Alunos de diversas escolas da rede municipal de ensino de Vitória da Conquista participaram na manhã desta sexta-feira, 9, do Dia do Campo Limpo. Este é um evento nacional instituído no calendário brasileiro em 18 de agosto, por meio da Lei Federal nº 11.657, de 16 de abril de 2008.

Fábio Macul

“Neste evento, abrimos as portas das nossas unidades, juntamente com os revendedores, para mostrar a agricultores, crianças e comunidade de forma geral o sistema Campo Limpo, que funciona com a logística reversa das embalagens vazias de agrotóxicos”, explicou o coordenador do Instituto Nacional de Processamento de Embalagens Vazias (Inpev), Fábio Macul.

A central de recebimento de embalagens vazias de agrotóxicos de Vitória da Conquista, gerenciada pela Associação dos Revendedores de Produtos Agrotóxicos do Sudoeste (Aras), sediou o evento, que contou com atividades de teatro, recreação e música para as crianças. O local também recebeu uma exposição com esculturas feitas com materiais reciclados. “Nós trabalhamos essa questão de consciência ambiental com as crianças. Por meio de brincadeiras e interação lúdica, nós vamos mostrando para elas a importância da reciclagem, de se descartar o lixo de maneira correta”, contou Fábio.

Saimon Santos

Para o estudante da 4ª série, Saimon Santos, a atividade valeu a pena. “Foi muito bom. Aprendi a importância de preservar o meio ambiente e que é possível transformar o que nós jogaríamos no lixo em arte”, afirmou o estudante.

Sobre o Dia Nacional do Campo Limpo – Em sua 1ª edição, mais de 600 mil pessoas participaram do Dia Nacional do Campo Limpo em todo o país. A comemoração da data é realizada pelas centrais de recebimento de embalagens vazias, com apoio do Instituto Nacional de Processamento de Embalagens Vazias (inpEV) e seus associados fabricantes de defensivos agrícolas e entidades representativas do setor (Abag, Aenda, Andav, Andef, Aprosoja, CNA, OCB e Sindag), organizações públicas (governos Municipal e Estadual) e privadas, além de outros apoiadores locais.