Nos últimos meses, a Prefeitura de Vitória da Conquista, por meio da Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (Semob), vem introduzindo mudanças no transporte público da cidade, com o objetivo de melhorar a prestação de serviço para milhares de pessoas que fazem uso do sistema e tornar mais econômico para o passageiro a utilização dos ônibus urbanos.

Uma das medidas de maior impacto foi a redução da passagem, autorizada pela prefeita Sheila Lemos no último dia 10, de R$ 3,80 para R$ 2,00 (nos cartões BEM Vale-Transporte e BEM Simples, mas outras medidas vêm melhorando significativamente o serviço operado diretamente pela Prefeitura até a realização de licitação para contratação de novas empresas, que está em fase preparatória.

Duas dessas ações foram: a implantação do Centro de Comando Operacional (CCO), com sede na Estação Herzem Gusmão, responsável pelo domínio e rastreamento de 100% da frota, com a tecnologia de GPS instalada em todos os ônibus da frota, e a adoção do aplicativo CittaMobi. Graças ao GPS, o passageiro pode ver, no app, o horário dos veículos em tempo real, a previsão de chegada ao ponto e as melhores rotas para o seu deslocamento.

Em caso de atraso, o usuário também fica informado. Para fazer o download do CittaMobi, acesse a Google Play (para Android) ou a App Store (para iOS). Veja abaixo dois exemplos.

Para aumentar as opções de horário e evitar atrasos, a Semob também reforçou a frota de ônibus, com o acréscimo de 32 veículos, passando de 77 para 109, com a entrada de ônibus com três portas e a retirada de circulação daqueles com mais de oito anos de fabricação.

Somado a todas as ações, foram reativadas duas linhas consideradas muito importantes pela população, D34 Patagônia x UESB e D39 Miro Cairo x UESB, com cinco veículos e totalizando 40 linhas no transporte urbano do município. E na segunda-feira (20), a Semob acrescentou mais um ônibus na linha Lagoa das Flores x Centro Industrial 1 e 2.