Conselheiros demonstraram preocupação com a situação em algumas localidades

Com o objetivo de alinhar o atendimento do Conselho Tutelar neste período de fortes chuvas, a Secretaria de Desenvolvimento Social (Semdes) e a Defesa Civil se reuniram com representantes dos três conselhos municipais (Oeste, Leste e Rural), na tarde de ontem (30).

Durante o encontro, os conselheiros apresentaram as dificuldades para o atendimento em algumas localidades e o desejo de contribuir com o trabalho da Defesa Civil, já que, durante a sua atuação, eles também identificam famílias em moradias em situação de risco. “Essa reunião foi estratégica para garantirmos que os conselhos tutelares possam atuar de forma adequada neste período de fortes chuvas. Além disso, ofereceu informações importantes para a atuação dos conselheiros tutelares, permitindo que a rede de proteção à criança e ao adolescente funcione de forma efetiva”, declarou o secretário da Semdes, Michael Farias.

O coordenador da Defesa Civil, José Antônio Vieira, explicou a dinâmica do atendimento às famílias durante este período emergencial e disponibilizou um número de contato para os conselheiros se informarem sobre as condições das estradas vicinais. “Todas as solicitações de atendimento estão centralizadas na Central da Defesa Civil, pelo 199”, explicou José Antônio.

A conselheira tutelar da zona rural Rural, Joicione do Prado, falou da situação do atendimento na zona rural, que precisou ser interrompido, devido às condições e interdições de algumas estradas. “Alguns atendimentos nós podemos interromper, como documentação civil, mas tem outras demandas como violência sexual que precisamos intervir imediatamente. Essa reunião aqui foi muito boa para alinharmos e dar continuidade ao nosso trabalho”, ressaltou Joicione.