Um incentivo à leitura está saindo de São Paulo para o Sudoeste baiano, chegando primeiro a Vitória da Conquista. A cidade irá sediar a formação do projeto Mundoteca nos próximos dias 24, 25 e 26 de julho, na Biblioteca Municipal José de Sá Nunes.

A biblioteca de Vitória da Conquista abrigará o treinamento voltado para os agentes culturais e bibliotecários e também será beneficiada com a doação de 150 títulos. “Acolhemos com alegria esse projeto, principalmente por saber que a iniciativa alcança cidades e comunidades da nossa região. Nossa biblioteca é uma referência e qualquer projeto de incentivo à leitura é sempre muito bem vindo”, destaca o secretário de Cultura, Adriano Gama.

O projeto Mundoteca irá implantar bibliotecas e espaços de leitura com ambientação e mobiliário próprio, doação de acervo com obras literárias, materiais lúdicos e equipamentos audiovisuais em três cidades da região – Poções, Planalto e Contendas do Sincorá – e em cinco comunidades quilombolas – Mumbuca e Sambambaia, Camulengo, Ginete, Moitinha e São Gonçalo (pertencentes aos municípios de Bom Jesus da Serra, Barra da Estiva e Contendas do Sincorá).

A formação será ministrada pela educadora Marta Maria Pinto Ferraz, especialista em leitura e literatura infantojuvenil, professora, consultora e formadora em instituições públicas e privadas, sendo também idealizadora da plataforma de leitura “Leitores para Sempre”.

O projeto Mundoteca é realizado pela FGM Produções Culturais e conta com patrocínio das empresas Alupar e Taesa, por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura.

SERVIÇO
FORMAÇÃO “A IMPORTÂNCIA DO MEDIADOR DE LEITURA”
24, 25, 26 de julho, das 8 às 18 horas
Biblioteca Municipal José Sá Nunes
Av. Jonas Hortélio, s/n, Recreio.
Vitoria da Conquista – BA
Inscrições encerradas