Na tarde desta quinta-feira, 7, a equipe da administração municipal realizou uma visita técnica à Fazenda Pedra Mole, no distrito de Bate-Pé. No local, o Governo Municipal produz mudas de umbu gigante, fruto típico da caatinga, para serem distribuídas aos pequenos produtores buscando incentivar o desenvolvimento dessa cultura na região.

Durante a visita, que foi acompanhada por veículos de comunicação, membros da administração municipal, vereadores e moradores de diversas localidades, foram apresentados os resultados do projeto que vem sendo desenvolvido pelo Governo Municipal há cerca de 7 anos. Ao longo desse período, já foram distribuídas mais de 3000 mudas para produtores da zona rural do umbu, que recebe o nome de gigante porque enquanto o comum pesa em torno de 20 gramas, a espécie cultivada pela Prefeitura pode chegar a 150 gramas.

Na oportunidade, o prefeito Guilherme, falou da importância do fruto: “Eu me lembro muito de Euclides da Cunha, que saiu de São Paulo para acompanhar a guerra de Canudos, e naquele livro “Os sertões” ,ele diz que o umbuzeiro é a árvore abençoada do nordeste, porque o caule é aproveitado, a folha, o fruto, e a raiz. É uma planta que tem toda essa simbologia, esse valor histórico, e agora estamos incentivando o cultivo da parte dos agricultores da região”, afirmou. Ainda em sua fala, destacou a importância do encontro: “Uma reunião como essa é importante pra gente , além das ideias, ir desenvolvendo práticas importantes e melhorando a receita dos pequenos agricultores”

O técnico da secretaria de Agricultura responsável pelo projeto, Dilermando Moraes, falou sobre a pesquisa realizada para a implantação do projeto em Vitória da Conquista. “Nós já sabíamos da existência de umbus gigantes em outras regiões e fomos busca-las com intuito de formar o nosso banco de germoplasma. Estivemos em cidades do norte de Minas, em Macaúbas, Anagé, e em vários outros locais para poder pegar essas variedades de umbu e nos ajudar a montar o nosso banco. Hoje já temos material para cem mil mudas de umbu gigante. Dependendo apenas do interesse do agricultor”, disse.

Iniciativa aprovada – o secretário de agricultura, Odir Freire, comemorou os bons resultados do projeto. “É com muita satisfação que observamos a grande aceitação dos pequenos agricultores aqui da região. Já temos quinze roças de umbu gigante implantadas na região e nossos técnicos visitam constantemente essas roças para orientar a manutenção e a produção futura. Também já entraram em contato conosco representantes da prefeitura de Feira de Santana e estamos programando uma visita deles para que possamos orientar a forma como deve ser feito esse trabalho”.

Quem também aprovou a iniciativa foi o agricultor Manoel Pereira , da região de Poço Comprido 2. “ Eu acho que foi uma iniciativa muito louvável da Administração Municipal porque como nós moramos em uma área de caatinga o umbu é um fruto ideal para se produzir. Na minha fazenda já tenho mais de cem pés do fruto e a partir do ano que vem já vão começar a produzir estou muito confiante”, afirmou.

Os interessados em participar do projeto devem procurar a Secretária de Agricultura, localizada na praça Catão Ferraz, largo da CEASA.