Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social
Roda de conversa discute Dia da Visibilidade Lésbica
1/09/2013

Em comemoração ao Dia da Visibilidade Lésbica, a Prefeitura de Vitória da Conquista, por meio da Assessoria Técnica de Políticas para Diversidade Sexual da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, realizou na tarde desse domingo, 1º de setembro, uma Roda de Conversa com o tema: De goby à mulher – tecendo novos conceitos do feminino.

Núbia Santos

“Goby, no contexto baiano, faz referência às meninas que rompem com a construção do estereótipo feminino e adotam um estilo mais masculinizado”, explicou a assessora do Grupo Amigos da Diversidade, Núbia Santos. Ela aproveitou o momento ainda para reiterar o objetivo da reunião: “Esse encontro é para promover reflexões acerca do nosso posicionamento diante da sociedade, a fim de que possamos viver a nossa sexualidade e não o que a sociedade tolera”.

Maria Otília Soares

Segundo a presidente da União de Mulheres, Maria Otília Soares, o Plano Nacional de Políticas para Mulheres prevê ações afirmativas de enfrentamento ao machismo, sexismo e lesbofobia. “As ações afirmativas ajudam a desmistificar a inferioridade referente a esses grupos sociais - homossexuais, lésbicas, entre outros. A sociedade precisa avançar em relação aos seus conceitos e só conseguiremos isso através de debates e discussões como essa”, salientou.

Danillo Bitencourt

Desde 2011, a Assessoria Técnica de Políticas para Diversidade Sexual tem desenvolvido uma série de ações direcionadas para a promoção e defesa dos direitos desse público. “Temos trabalhado em parceria com todos os segmentos da diversidade no sentido de promover a construção de uma política pública eficaz para essa população. O ideal é que a gente agregue novas perspectivas e converse com o próprio movimento sobre os seus desafios, como estamos fazendo aqui hoje”, explicou o assessor de Políticas Públicas para a Diversidade Sexual, Danillo Bitencourt.

Raphaela Souza

O Dia da Visibilidade Lésbica caracteriza-se como um marco na luta pela cidadania e respeito à identidade de gênero. “É um dia importante, de luta para as mulheres lésbicas e bissexuais. E esse encontro significa muito por ser mais um momento para a discussão e debate desse assunto”, disse a presidente do Coletivo da Diversidade Sexual de Vitória da Conquista, Raphaela Souza.

Significado da data – A escolha do dia 29 de agosto como o Dia da Visibilidade Lésbica ocorreu quando da realização do I Seminário Nacional de Lésbicas (Senale), em 29 de agosto de 1996, no Rio de Janeiro. A comemoração da data se tornou efetiva a partir do ano de 2003. Desde então o número de atividades no Dia da Visibilidade Lésbica vem aumentando gradativamente, refletindo o crescimento no número de grupos voltados especificamente para as questões das mulheres lésbicas e bissexuais.