Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social
Gestores do Programa Bolsa Família acompanham videoconferência
15/02/2013

Foi realizada nessa quinta-feira, 14, no Colégio Modelo Luís Eduardo Magalhães, em Vitória da Conquista, a videoconferência Gestão do Cadastro Único e Programa Bolsa Família – Orientações Iniciais, promovida pela Secretaria de Desenvolvimento Social do Estado da Bahia. A transmissão foi acompanhada por servidores das secretarias municipais de Saúde e Desenvolvimento Social, além de gestores de outros municípios da região.

“Essa formação é uma iniciativa importante para aproximar o Governo Estadual dos municípios, dando suporte e ajudando a encontrar soluções para os problemas, e sanar dúvidas referentes ao cadastro”, explicou o coordenador de Políticas Especiais de Inclusão Social de Vitória da Conquista, Jaimilton Fernandes.

Durante a videoconferência, transmitida ao vivo em 32 cidades baianas, foi apresentado o Sistema da Rede de Gestores e Instrutores do Bolsa Família, desenvolvido para sistematizar as demandas de capacitação e organização da rede de instrutores.

Cadastros - Em Vitória da Conquista, 46.710 mil famílias estão registradas no Cadastro Único dos Programas Sociais (CadÚnico), banco de dados do Ministério do  Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS)  que contém informações das famílias brasileiras com baixa renda. De acordo com os últimos levantamentos do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE), Conquista supera a estimativa de famílias a serem cadastradas no município, chegando a um percentual anual de 120,53%. A meta estimada era cadastrar 38.753 famílias.

O Cadastro Único ocorre em duas etapas. As famílias devem procurar a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (Semdes), localizada na Avenida Juracy Magalhães, nº 182, Jurema, das 7 às 19h, portando carteira de identidade e comprovante de residência. Na oportunidade, elas devem solicitar uma visita domiciliar que identifica se as famílias estão no perfil. “A visita é realizada para fazer o levantamento das informações e verificar se todos os dados e todas as situações repassadas estão corretas”, explica Jaimilton.