Escola Pública de Trânsito de Vitória da Conquista completa um ano de funcionamento
19/02/2013

A Escola Pública de Trânsito de Vitória da Conquista – única no interior baiano – completou seu primeiro ano de funcionamento. Para celebrar essa conquista, foi realizado na noite desta segunda-feira, 18, um coquetel, que contou com a presença do vice-prefeito, Joás Meira. Na oportunidade, também foram lançados os novos serviços da 4ª Circunscrição Regional de Trânsito de Vitória da Conquista (Ciretran), entre eles a Central de Atendimento OnLine, que oferecerá informações aos cidadãos por telefone e através de um site específico.

Durante o evento, Jóas Meira recebeu da 4ª Ciretran as placas de honra ao mérito ao prefeito e ao vice-prefeito do município. “A Prefeitura sempre nos atendeu, cedendo funcionários, acompanhando a implantação da escola pública e por isso homenageamos essa administração na pessoa do prefeito Guilherme Menezes e do vice Joás Meira”, afirmou o coordenador da 4ª Ciretran, Rodrigo Moreira.

Segundo o vice-prefeito, o Governo Municipal sente-se honrado por ser homenageado pela instituição. “O município fica feliz com atitudes como essa da escola pública de trânsito e pelos novos projetos que visam facilitar a vida dos cidadãos”, completou Jóas Meira.

Também participaram do evento, o diretor-geral em exercício do Departamento Estadual de Trânsito da Bahia (Detran), Major Blanco; o corregedor do órgão, Agnaldo Garcez; o deputado estadual, José Raimundo Fontes, e o presidente da Câmara de Vereadores, Fernando Vasconcelos, que juntamente com outras autoridades civis e militares foram homenageadas.

Sidnei Rodrigo Rodrigues

Oportunidade – Desde sua criação, a Escola Pública de Trânsito de Vitória da Conquista já formou 150 condutores. Um dos beneficiados com o projeto foi Sidnei Rodrigo Rodrigues. Graças à carteira de habilitação, ele agora é gerente de compras de um restaurante. “Estava desempregado e surgiu uma boa vaga de emprego que exigia a habilitação. Devo o meu trabalho à Escola Pública de Trânsito. Aqui aprendemos a importância de não só dirigir, mas de ter a consciência do respeito às leis e às pessoas”, afirma o ex-aluno.

  • Fotos p/
    divulgação
  • Versão p/
    impressão