Secretarias de Educação e Desenvolvimento dialogam sobre gestão conjunta

img_1242-cpy

A secretária de Desenvolvimento Social Irma Lemos recebeu na tarde desta quarta-feira, 25, o secretário Municipal de Educação Marcelo Melo, acompanhado da subsecretária, Selma Oliveira. Foram debatidas estratégias permanentes de diálogo entre assistência social e a educação para uma melhor gestão das políticas a serem implementadas na cidade, construindo o trabalho de forma intersetorial.

O desafio é integrar as ações dos Centros de Referência da Assistência Social, o CRAS, com o trabalho das escolas municipais nos bairros e territórios. Com isso, as secretarias esperam um atendimento mais eficaz, acompanhando famílias, crianças e adolescentes, além da terceira idade.

Durante a reunião, o diretor de Assistência Social, Michael Farias, ressaltou a importância do diálogo entre os CRAS e as escolas. “Ressurge a possibilidade de construir juntos”, afirmou. Para o diretor, o planejamento conjunto das ações culminará em uma cidade integralmente bem assistida.

A secretária Irma Lemos acredita que com um projeto pedagógico planejado a partir de um diagnóstico da atual situação do alunado municipal, o acompanhamento da família pela equipe multidisciplinar dos CRAS, com assistentes sociais, psicólogos e educadores sociais e uma gestão que ofereça suporte, formam um conjunto de ações capaz de oferecer uma boa estrutura à população. “O planejamento deve ser conjunto. A escola e o CRAS devem conversar para que aquela comunidade identifique que há um trabalho planejado, que existe um objetivo”.

O secretário de Educação, Marcelo Melo, destacou que as secretarias precisam conhecer a dinâmica uma da outra para que as especificidades sejam respeitadas no planejamento das ações. “Com o trabalho conjunto o objetivo pode ser alcançado mais rápido e com grande êxito”.

Programa Conquista Criança – A coordenadora do Conquista Criança, Camilla Fischer, colocou também as questões técnicas e pedagógicas referentes à unidade de ensino que atende os alunos do Programa. “Todo planejamento e a busca pela construção intersetorial das ações, tem levado em conta as peculiaridades das crianças e adolescentes atendidos pelo Conquista Criança”, destacou.

O Programa Conquista Criança atende 350 educandos com escola em tempo integral para crianças de 6 a 12 anos, oficinas diversas, como balé, rádio, capoeira e teatro, além da garantia do transporte e alimentação.

Na reunião ficou agendado um encontro entre os coordenadores das duas secretarias para que as informações sejam compartilhadas.

Notícias Relacionadas

Desenvolvimento Social
22/06
Confraternizações juninas movimentam serviços da assistência social
Desenvolvimento Social
22/06
Morar Legal entrega escrituras para moradores do Henriqueta Prates
Desenvolvimento Social
21/06
Idosos se divertem no Arraiá da Terceira Idade
Desenvolvimento Social
16/06
Bolsa Família Móvel estará no Miro Cairo nesta segunda-feira, 19