Curso foi ofertado pela Central de Interpretação de Libras (CIL)

A Prefeitura Municipal de Vitória da Conquista tem desenvolvido inúmeras ações de conscientização voltadas à inclusão. Nesse sentido, cursos de capacitação para agentes públicos e para a população em geral são oferecidos periodicamente, visando uma maior integração das pessoas com deficiência na sociedade.

Na noite dessa quinta-feira (11), a Secretaria de Educação, por meio da Central de Interpretação de Libras, finalizou mais uma turma do curso básico de Língua Brasileira de Sinais (Libras). O Curso, além de ser um primeiro estágio para o aprendizado da linguagem de sinais, também propicia aos participantes um contato com a cultura surda.

O estudante Raphael Crhistian de Jesus é um dos participantes do curso. Ele explica que o interesse veio a partir de uma prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) que tratava sobre a questão do surdo. “Apesar do curso ser básico, deu para desenvolver um bom aprendizado. Já tive a experiência de me comunicar e auxiliar uma pessoa surda na rua e vi a felicidade dela ao ver alguém que conhece Libras. Pretendo prosseguir o aprendizado”, explica o estudante.

Turma do Curso Básico de Libras

A convite da Coordenação, o curso conta com a participação de pessoas surdas para auxiliar o aprendizado dos alunos. Para um dos participantes, Henrique Oliveira, a falta de comunicação com o surdo implica em uma infinidade de problemas e, graças à iniciativa da Prefeitura, a falta de acessibilidade tende a diminuir: “o Governo Municipal desempenha um papel importantíssimo através da CIL, permitindo que muitos conheçam a língua de sinais. Sinto que as dificuldades têm, a cada dia, diminuído.

Segundo a coordenadora da CIL, Jaqueline França, diversos cursos e eventos voltados para surdos e para a população em geral serão ministrados durante todo o ano: “há uma procura muito grande pelos cursos. Ainda neste mês de abril teremos a comemoração do aniversário da Lei de Libras, com apresentações e mostras sobre a cultura surda”.