Em breve, Vitória da Conquista passará a contar com um Plano de Circulação Viária. Na tarde dessa quarta-feira (26), o Governo Municipal teve acesso ao primeiro relatório do estudo que está sendo desenvolvido para elaborar o documento. Representantes da empresa Via 11 Engenharia, responsável pelo Plano, formalizaram a entrega no Gabinete Civil da Prefeitura da Zona Oeste (PZO).

 

O Plano de Circulação Viária foi encomendado pela Emurc, que recebeu formalmente o seu primeiro relatório

“No Plano de Circulação Viária, a gente aborda todas as questões relativas à via pública, ao trânsito e à sinalização”, explica Eloy Kockanny, representante da Via 11 Engenharia. Um dos resultados dessa análise é possibilitar o planejamento de uma cidade mais fluida para os pedestres e os veículos.

O relatório inicial, entregue nessa tarde, apresenta uma análise de toda a mobilidade urbana em Vitória da Conquista, apontando o diagnóstico dos seus pontos mais críticos. Em um segundo encontro, que deve acontecer no mês de julho, serão desenhadas algumas alternativas para lidar com os problemas.

O encontro contou com a presença de membros da Secretaria de Mobilidade Urbana, que também estão na expectativa para a conclusão do estudo

“Em relação ao trânsito, ao sentido de trânsito. A questão de acessibilidade, que na cidade é bastante sério; uma cidade com calçadas estreitas, postes. Então, na área central, tem uma série de intervenções que vão ser propostas para melhorar a questão da acessibilidade”, exemplifica Kockanny.

De acordo com o prefeito Herzem Gusmão, a elaboração do Plano de Circulação Viária mostra que a Prefeitura não vem agindo com improvisos. Além disso, ele lembra que todo esse trabalho converge para a filosofia do Governo Municipal de preparar Vitória da Conquista para os seus 200 anos. “Essas intervenções são necessárias, para que a cidade possa fluir com mais rapidez, se tornar uma cidade mais agradável, uma Cidade para Pessoas”, afirma.

O prefeito Herzem Gusmão discute alguns detalhes do estudo com Eloy Kockanny e Paulo Roberto Vieira, da Via 11 Engenharia

O estudo foi encomendado pela Empresa Municipal de Urbanização (Emurc). Para o seu presidente, Luís Paulo Santos, ele será essencial para apontar os caminhos do planejamento da cidade. “Os primeiros resultados já mostram o que precisamos fazer para uma cidade melhor. Estamos confiantes de que vamos implementar as melhorias assim que os trabalhos forem concluídos”, avalia.

Plano de Transporte – Além dos estudos sobre circulação viária, a Via 11 Engenharia também irá elaborar o Plano de Transporte. Da mesma forma, o documento irá apontar um diagnóstico completo das principais necessidades do transporte coletivo na cidade. O Plano dará à Prefeitura as diretrizes adequadas para lançar o processo licitatório visando à contratação da permissionária para atuar nas linhas do Lote 1, que inicialmente eram de responsabilidade da empresa Vitória.

“O Plano de Transporte vai ajudar a gente a conhecer a realidade do transporte público de Vitória da Conquista, quais são e onde estão concentradas as demandas do nosso município; para que a gente possa agora, a partir desse estudo, reformular todo o sistema de transporte”, garante o secretário de Mobilidade Urbana, Jackson Yoshiura.

Até o mês de setembro, o Plano de Circulação Viária e o Plano de Transporte já devem estar concluídos pela empresa. Eles representam os estudos iniciais para a elaboração do Plano Municipal de Mobilidade Urbana.