Prefeitura realiza I Oficina de Técnica Dietética com alimentos funcionais diet

A maioria dos participantes da Oficina é diabética ou hipertensa e participa do projeto da Prefeitura sobre “Prevenção de doenças e agravos não transmissíveis”

Alimento funcional é aquele alimento ou ingrediente que, além das funções nutricionais básicas, quando consumido – como parte da dieta habitual –, produz efeitos benéficos para a saúde é o que afirma a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). E foi sobre esse tema, que a Prefeitura de Vitória da Conquista, por meio da Coordenação de Vigilância Nutricional, realizou a I Oficina de Técnica Dietética com alimentos funcionais diet.

A atividade aconteceu entre os dias 23 e 24, no Laboratório de Nutrição da Universidade Federal da Bahia (Ufba). Os participantes, que integram o projeto “Prevenção de doenças e agravos não transmissíveis” (DANTS), tiveram a oportunidade de aprender, na prática, como produzir alguns alimentos funcionais, como sucos e bolos, seguindo receitas com ingredientes ao alcance de todos.

A maioria dos participantes da oficina é diabética ou hipertensa. Por isso, o curso tratou dos alimentos diets. “O objetivo do Governo com esse projeto é a promoção de um novo estilo de vida para essas pessoas. É provar para elas que todos podem ter uma melhor qualidade de vida”, explicou a coordenadora de Vigilância Nutricional, Jaqueline Kluge.

A dona de casa Euzenir Santos, 47 anos, moradora do Alto Maron, está no projeto desde dezembro. Ela mudou seu estilo de vida e, agora, além de cuidar da alimentação, também pratica exercícios físicos. “Todas as etapas do projeto têm mudado a minha vida. Hoje, aprendemos como produzir o alimento em nossa casa e vimos que não é difícil, é possível ter uma vida mais saudável”, ressaltou Euzenir.

Notícias Relacionadas

Desenvolvimento Social
18/11
Prefeitura promove 16 Dias de Ativismo pelo fim da violência contra mulher
Governo
18/11
7º Seminário ‘Orgulho de Ser LGBT’ inicia com discussão sobre religiosidade de matriz africana
Educação
18/11
Pacto pela Educação: Professores e coordenadores municipais relatam experiências
Notícias
18/11
Hospital Esaú Matos propõe roda de conversa sobre prematuridade