Buscando garantir maior transparência e melhor controle social sobre as licitações realizadas pela Prefeitura de Vitória da Conquista, a Secretaria Municipal da Transparência e Controle ampliou a divulgação dos seus processos licitatórios.

Além da divulgação no Portal da Transparência, conforme prevê a Lei nº8.666/93, que institui normas para licitações e contratos da Administração Pública, o Executivo Municipal passou a encaminhar cópias dos processos abertos para diversas entidades representativas dos setores da economia. Câmara de Dirigentes Logistas (CDL), Sindicato dos Comerciários e Associação de Supermercados e Similares (Assivic) são algumas das instituições que estão recebendo as informações.

“A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e a Câmara de Vereadores também estão em nossa lista”, explicou o secretário municipal da Transparência e do Controle, Diego Gomes, ao lembrar que o Poder Legislativo cumpre o papel de fiscalizar as ações da Prefeitura e a OAB pode acompanhar o processo também.

Ainda segundo o secretário, essa iniciativa também permite o aumento do número de interessados em participar das concorrências. “Esperamos que essas entidades informem aos seus associados e que os mesmos tenham maior acesso a essas licitações, pois quanto maior o número de participantes, maior a concorrência e as chances do município fazer compras mais vantajosas”, disse.

Atualmente 14 processos licitatórios estão em andamento, tanto na modalidade presencial, quanto por meio de pregão eletrônico, no qual participam empresas de todo o país. Entre os objetos de licitação, estão a aquisição de equipamentos de informática, alimentos e material de higiene, além de contratação de empresas para fornecimento de medicamentos.