A Prefeitura Municipal firmou mais uma parceria para o combate à pandemia do novo coronavírus (Covid-19) na cidade. Dessa vez, a fábrica de lingeries, Linda Jóia, irá fabricar e fornecer mil máscaras de tecido.

As máscaras devem ser higienizadas diariamente após o uso

Agentes das áreas de limpeza urbana, Posturas, Simtrans e feirantes e camelôs irão receber máscaras feitas em percal: material lavável, resistente e eficaz na proteção das vias respiratórias. “Ela é mais resistente que as máscaras descartáveis convencionais, podendo durar alguns dias. Já temos mil unidades prontas para serem entregues e elas atendem às exigências dos órgãos de saúde”, relata a proprietária da fábrica, Maria da Paz.

Apesar da durabilidade, as máscaras devem ser higienizadas diariamente após seu uso. Junto às mascaras, serão distribuídos panfletos produzidos pela Secretaria Municipal de Comunicação, com orientações de como esterilizá-las em casa.

Autora da proposta, a secretária municipal de comunicação, Maria Marques, ressalta que o ministério da saúde divulgou que as máscaras caseiras são importantes barreiras físicas contra a propagação do coronavírus. “A máscara reutilizável é mais uma tentativa de prevenir o vírus em nossa cidade. Creio que quanto mais pessoas as utilizarem, mais a população será estimulada a se precaver e nossa expectativa é essa: garantir proteção à população como um todo”, ressalta Maria.

Há também, nas redes sociais da Prefeitura (Facebook e Instagram), tutoriais de como fazer sua própria máscara com tecido, baseados nas recomendações do Ministério da Saúde.

Outras parcerias para o combate ao coronavírus – Além da Linda Jóia, a Prefeitura recebeu recentemente ajudas de instituições e empresas da cidade para o combate ao coronavírus. Das Lojas Maçônicas de Vitória da Conquista vieram 200 máscaras de acrílico, destinadas aos profissionais municipais de saúde. A empresa Teiú, forneceu a solução de hipoclorito de sódio para a higienização de ruas e logradouros da cidade, a empresa concessionária do aeroporto, Socicam, cedeu um caminhão do seu grupamento de bombeiros para ajudar na operação e a Vap cedeu profissionais e caminhões para higienização das ruas. Mais empresários têm procurado a Prefeitura para entrarem juntos nessa luta que é de todos e por todos.