Prefeitura dá andamento à construção de mais uma barragem na região de José Gonçalves

Obra está sendo feita no povoado de Boi Preto, a cerca de dez quilômetros do distrito

Após breve pausa, por conta das chuvas que caíram sobre Vitória da Conquista nas últimas duas semanas, já foram retomadas e continuam em pleno andamento as obras da barragem que a Prefeitura está construindo no povoado de Boi Preto, próximo à Lagoa do Batista, a cerca de dez quilômetros do distrito de José Gonçalves.

O terreno de cerca de 21 mil metros quadrados, no qual a obra está sendo escavada, possui características que apontam para um futuro reservatório de grandes dimensões. O vale ali existente é bem mais vasto e profundo do que os que existiam em outras propriedades rurais nas quais o Governo Municipal já construiu barragens. Serão diretamente beneficiadas cerca de 60 famílias, que, além de Boi Preto, são moradoras de outras localidades, como Lagoa das Pedras e Mãe Eleutéria.

Operam na obra dois tratores-esteira, uma pá mecânica, caminhões e um rolo compactador do tipo “pé de carneiro”, equipamento com oito toneladas de peso, necessário para reforçar ainda mais a compactação da tapagem. “Concentramos vários equipamentos, inclusive o rolo compactador, para dar maior segurança na construção da tapagem, pois o volume de água que passa pelo riacho, segundo os moradores, é muito grande”, explicou o secretário municipal de Agricultura, Odir Freire.

O sulcavo – termo com que os técnicos se referem ao fundo da “bacia” – já está praticamente pronto. Isso permitiu, inclusive, que o reservatório acumulasse uma pequena quantidade de água durante o período das chuvas. Os operários se concentram agora na construção da tapagem. O líquido acumulado, aliás, foi bem-vindo, segundo Odir. “Essa água está até facilitando para nós traparmos o barro com a terra, para dar continuidade ao reforço da tapagem”, afirmou.

Acúmulo de água – Desde 2013, a Prefeitura construiu 18 barragens nas regiões mais secas da zona rural. Somente em 2014, o investimento nesse tipo de obra foi de aproximadamente R$ 500 mil, provenientes de recursos próprios do município. “Essas ações são cada vez mais implementadas pelo Governo Municipal, principalmente nos últimos dois anos. É uma política de acúmulo de água no interior do nosso município”, observou o secretário municipal de Agricultura.

Notícias Relacionadas

Agricultura e Desenvolvimento Rural
25/05
Governo Municipal participa de evento em comemoração ao Dia Nacional do Café
Agricultura e Desenvolvimento Rural
21/05
Agricultura realiza melhorias na sede de Veredinha
Agricultura e Desenvolvimento Rural
18/05
Secretaria de Agricultura garante abastecimento através dos Sistemas Simplificados de Água
Agricultura e Desenvolvimento Rural
16/05
Prefeitura revitaliza 40 quilômetros de estradas em Bate Pé