Prefeitura avança no trabalho de limpeza pública e gestão de resíduos no município

scm_4467

O Governo Municipal está empenhado na melhoria da gestão de resíduos, coleta de lixo e limpeza pública de Vitória da Conquista. Um trabalho integrado entre as Secretarias de Serviços Públicos e Meio Ambiente já identificou várias ações importantes para que o município se adeque às leis ambientais, além de diminuir os riscos à saúde da população e melhorar a higiene urbana.

Logo nos primeiros dias do ano, as equipes se uniram em um mutirão de limpeza pública, que percorreu praças, ruas e avenidas em vários bairros de Vitória da Conquista. Porém, o trabalho de construir uma cidade mais limpa, requer um esforço ainda maior, e novos projetos devem contribuir para isso.

A Secretaria de Serviços Públicos vai intensificar a fiscalização nos oito Pontos de Entrega Voluntária (PEV’s) existentes na cidade. Eles serão dotados de contêineres, nos quais serão depositados os resíduos trazidos pelos carroceiros. Assim que os contêineres estiverem cheios, os fiscais da Prefeitura entrarão em contato com a empresa responsável pelo serviço de coleta, que irá esvaziá-los, evitando os acúmulos registrados na antiga gestão.

“Antes, eram pontos descontrolados, onde se colocava entulho e lixo espalhado pelo solo. Hoje, não. Vão ter caixas, o carroceiro ou o pequeno gerador vai entrar nesse local e vai despejar dentro da caixa. Não vai despejar no chão”, explica a engenheira sanitarista Márcia Amorim, que trabalha na Secretaria de Serviços Públicos e Transportes.

Operação ‘Cata-Bagulho’ – Outra contribuição importante será dada pelo trabalho de “Cata-Bagulho”, uma ação que pretende recolher das ruas objetos como fogões, geladeiras, sofás, camas, colchões, recipientes diversos, etc. O detalhe é que essa atividade envolverá uma campanha educativa junto à comunidade.

“Não dá para trabalhar com limpeza sem trabalhar a educação. Um grupo já está sendo treinado esta semana para começar na segunda-feira. Eles vão antecipar esses serviços dentro dos bairros”, informa Márcia. “Vão passar de porta em porta, com carro de som avisando o dia e a hora em que a pessoa vai colocar esses bagulhos. É um processo de conscientização”, acrescenta.

Os mutirões de limpeza pública também devem continuar com o reforço da empresa Torre, responsável pelos serviços de coleta no município, que vai atuar em vários pontos críticos da cidade. Locais que, sem esta intervenção, poderiam se transformar em focos dos mosquitos transmissores da dengue, zika e chikungunya.

O contrato com a Torre havia  expirado no dia 31 de janeiro, mas por se tratar de um serviço essencial, no mesmo dia, a Administração Municipal firmou um novo contrato com a empresa, em caráter emergencial, pelo prazo de 180 dias.

“ O novo contrato foi feito considerando vários fatores de ordem de saúde, limpeza pública, doenças que podem advir quando você suspende, interrompe, dificulta ou diminuiu a coleta de resíduos sólidos”, afirma Esmeraldino Correia, secretário de Serviços Públicos e Transportes, que definiu, como objetivo do contrato emergencial, garantir que a cidade esteja “limpa, higienizada e saudável”.

O processo licitatório para a contratação de empresa prestadora de serviço de coleta de lixo na cidade está suspenso desde junho de 2016, devido a um recurso administrativo interposto por uma das empresas licitantes. A retomada do processo depende da realização de uma perícia contábil – e, assim que a licitação tiver andamento e for concluída, o contrato emergencial com a Torre será automaticamente rescindido.scm_4502

O contrato firmado esta semana inclui uma série de outros serviços, além da coleta de resíduos sólidos. A empresa vai assumir a gestão do aterro sanitário, reforçar o trabalho dos mutirões e atuar também nas ações de educação ambiental, entre outros serviços.

Todas as novas funções assumidas pela empresa, assim como já ocorria com a coleta de lixo, serão fiscalizadas de forma rígida pela Prefeitura. “A fiscalização será ponto a ponto, dia a dia, hora a hora, para que a comunidade tenha, sim, o resultado de qualidade que todos nós precisamos e queremos”, diz Esmeraldino.

 

Notícias Relacionadas

Notícias
26/05
Surdos participam de Oficina de Arteterapia promovida pela Secretaria do Trabalho, Emprego e Renda
Desenvolvimento Social
26/05
Mulheres atendidas pelo Crav participam de manhã motivacional
Desenvolvimento Social
26/05
Governo Mais Perto de Você acerta últimos detalhes do projeto Prefeitura Móvel
Gabinete Civil
26/05
Feirão da Caixa pretende levar 5 mil pessoas ao Centro Glauber Rocha até domingo, 28