Quase 50 pessoas da região abrangida pelo bairro Morada dos Pássaros se reuniram com representantes do Governo Municipal na noite dessa terça-feira, 20, em mais uma plenária do Orçamento Participativo (OP). O objetivo é apresentar o orçamento da administração pública, esclarecer os investimentos destinados a cada área em específico e ouvir da comunidade as suas principais necessidades atuais. As principais propostas eleitas pelos populares serão encaminhadas para o 11º Congresso do Orçamento Participativo, no qual a comunidade local participará com cinco delegados e três suplentes, eleitos nesta noite.

O secretário municipal de Governo, Edwaldo Alves, conduziu a exposição dos gastos da Prefeitura, reforçando a transparência entre a Administração Municipal e o cidadão. Com isso, ele explicou: “Como todo dinheiro que tem que ser aplicado, aqui nós também precisamos de uma estratégia. E então, vem a parte mais importante deste momento, que é ouvir como vocês acham que devem ser aplicados os recursos da Prefeitura”.

O direito de expressão do povo é uma das garantias mais importantes do Orçamento Participativo, segundo o morador do Morada dos Pássaros III, Álvaro Moacir Oliveira Jardim. “Por meio desta iniciativa, toda comunidade participa mostrando as dificuldades de cada local, desde a zona rural até a zona urbana. Eu participo há muito tempo do OP e já vi muitas reivindicações serem atendidas”, revelou.

Ionara Fagundes, moradora do Vila Mariana, destacou a importância da população conhecer a essência do orçamento da Prefeitura e participar da definição dos seus investimentos. “É uma oportunidade de expressar nossas demandas e eleger as prioridades. Isso é muito rico para o morador que valoriza o seu bairro e está presente, buscando melhorias”, afirmou.

Print this pageShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someoneShare on LinkedIn