Permissionários do transporte rural apresentam demandas à Prefeitura

????????????????????????????????????

            Reunião foi o primeiro contato oficial da gestão com a categoria

Parte da agenda do Governo Municipal na tarde desta quarta-feira, 18, foi dedicada a uma reunião com representantes da Associação dos Permissionários do Transporte Rural (APTR). Atualmente, a entidade é o órgão responsável por representar os motoristas que, diariamente, transportam a população da zona rural para a zona urbana de Vitória da Conquista.

Durante o encontro, os permissionários se apresentaram à equipe da Secretaria Municipal de Serviços Públicos, Trânsito e Transportes e, em seguida, expuseram demandas sobre a melhoria da estrutura do transporte rural no município.

“É o primeiro diálogo que nós estabelecemos com eles de forma oficial”, informou Esmeraldino Correia, o secretário de Serviços Públicos, Trânsito e Transporte, responsável por conduzir a reunião.

“Vamos afinar o nosso discurso e o nosso diálogo, nos aproximarmos dos permissionários para, dialogando, incentivá-los a que eles façam o que é devido e o que é concedido, para que a comunidade e a população rural tenha o melhor atendimento no seu ir e vir, no seu deslocamento para a cidade”, disse ainda o secretário.

“O contato aqui foi muito produtivo”, afirmou Gilberto Sampaio, presidente da APTR. “O pessoal manteve um diálogo muito aberto com o pessoal da zona rural, entendendo os problemas que têm e procurando as melhores soluções para corrigi-los, fazendo esse transporte cada dia melhor”, acrescentou.

O transporte rural é um dos segmentos do sistema regular de transporte público, que envolve ainda os ônibus urbanos, o transporte escolar (urbano e rural) e o sistema de táxi. Para transportar passageiros, os permissionários recebem da Prefeitura o alvará de circulação e se submetem a duas vistorias técnicas por ano.

Segundo a APTR, hoje existem no transporte rural aproximadamente 140 veículos, conduzidos por cerca de 60 permissionários. Além destes, a entidade calcula que o segmento gere 139 empregos diretos, como cobradores e motoristas auxiliares. Há ainda os indiretos, nos quais se incluem os responsáveis pela lavagem e pela manutenção dos veículos.

A APTR calcula que, diariamente, mais de 9 mil pessoas sejam transportadas da zona rural para a zona urbana de Vitória da Conquista. Esse público inclui trabalhadores, estudantes, idosos, moradores com alguma demanda na área de saúde, etc.

Notícias Relacionadas

Desenvolvimento Social
19/10
Crav realiza orientação para prevenção do câncer de mama
Cultura, Turismo, Esporte e Lazer
19/10
Vitória da Conquista sedia I Encontro da Rede de Leitura Inclusiva
Educação
19/10
Começa o Curta 5, segunda etapa da Mostrinha de Cinema Infantil e Mostra Juvenil
Gabinete Civil
18/10
Prefeitura dá ultimato à Viação Vitória