Pereira da Viola e João Bosco superam expectativas do público

“Uma ‘inxcelente maravia’! Se ‘miorar’ vira rapadura.” Os jargões cheios de bom humor do violeiro Pereira da Viola traduzem facilmente a terceira noite do Natal da Cidade. Nesse domingo, 21, ele foi uma das grandes atrações no palco principal da celebração. “Eu me sinto totalmente feliz por essa oportunidade de trazer mais uma vez o meu trabalho para Vitória da Conquista, terra carregada de mestres da música brasileira”, exemplifica o cantor. Já veterano no Natal da Cidade, desta vez Pereira da Viola trouxe no repertório parte do DVD que será lançado em 2015. Sobre os planos para o próximo ano, ele revelou ainda o projeto “Quarto Crescente”, juntamente com outro violeiro e duas cantoras.

Além do violonista, o público também foi embalado por um dos maiores nomes da música popular brasileira. João Bosco trouxe composições já consagradas em sua carreira, mesclando os DVDs “Obrigado, gente” e “João Bosco 40 anos depois”. Além disso, o artista também fez interpretações de outros grandes cantores, como Vinícius de Moraes, Antônio Carlos Jobim e Chico Buarque. Com um repertório bastante peculiar, ele expressa o sentimento em realizar uma apresentação nesta época natalina. “As pessoas estão muito envolvidas emotivamente e afetivamente. A gente cede ao deixar de pensar nas coisas que nos pertubam no dia a dia, para pensar nas coisas que são positivas, e assim renovar as expectativas do futuro. Tudo isso está na música, está público”, afirmou.

Quem já esperava por apresentações de qualidade diferenciada ainda conseguiu se surpreender. O alto astral contagiante de Pereira da Viola e as letras emocionantes de João Bosco conseguiram tornar essa noite inesquecível. O comerciante Gilvan Silva acompanhou todas as apresentações na companhia da sua esposa. Eles gostaram tanto dos shows que prometem vir todos os outros dias. “A cultura natalina era uma coisa que estava um pouco esquecida, e o Natal da Cidade veio para resgatar isso. Todas as atrações foram excelentes”, destacou.

Também acompanhado por sua esposa, o bancário Eduardo Moraes ressaltou que, durante o Natal da Cidade, é possível ter acesso a um universo musical completamente diferente do que se ouve rotineiramente. “Essa é uma oportunidade para que a cidade diga ao mundo que existe cultura de qualidade aqui. Isso nos enche de orgulho de pertencer a Vitória da Conquista”, avaliou. Além disso, ele sublinhou a importância de que esta seja uma tradição preservada no presente e no futuro.

Notícias Relacionadas

Cultura, Turismo, Esporte e Lazer
25/04
Prefeitura lança Campeonato de Futebol Feminino da Zona Rural
Cultura, Turismo, Esporte e Lazer
23/04
A Voz do Muro: Grafitagem homenageia J. Murilo
Cultura, Turismo, Esporte e Lazer
21/04
Equipe da Secretaria de Cultura se reúne para apresentar trabalho realizado pelo Conservatório
Cultura, Turismo, Esporte e Lazer
20/04
Memorial Régis Pacheco sedia lançamento de livro na área de Letramento e Discurso