Oficina aborda os benefícios dos alimentos funcionais no combate de doenças

????????????????????????????????????

Promover a prática de hábitos saudáveis, por meio de uma alimentação balanceada aliada a prática do exercício físico é o objetivo do projeto de Prevenção a Doenças e Agravos Não Transmissíveis (DANTS), realizado nas academias da saúde dos bairros Brasil e Vila Serrana.

Como parte do projeto, está sendo realizado, no laboratório de Nutrição da Universidade Federal da Bahia (Ufba), uma oficina de alimento funcional. O objetivo é apresentar para os participantes do grupo que faz parte do DANTS a funcionalidade de cada alimento no combate ao diabetes e hipertensão.

“Neste encontro, estamos trabalhando com a colaboração das estagiárias de nutrição da Ufba. Elas estão orientando as participantes quanto a escolha do alimento e a forma de preparo com receitas que todas podem fazer em casa depois”, a nutricionista do Dants da Vila Serrana, Laiza Vasconcellos.

A estudante Jordânia Bastos Bordigniom, 17, moradora do bairro Miro Cairo, procurou o projeto porque está acima de peso. Ela não possui de diabetes nem hipertensão arterial mas está preocupada com as consequências do sobrepeso. “Sou uma jovem sedentária. Por isso, procurei o DANTS para mudar meu hábitos, emagrecer e evitar outras doenças”, comentou.

Já a cabeleireira Cláudia Meira, 38, moradora da Vila Serrana, que recentemente descobriu que está com diabetes procurou o projeto para aprender a cuidar de sua alimentação. “Estou acima do peso e com diabetes. Então, decidi mudar os meu hábitos alimentares e o projeto está me ajudando”, ressaltou.

????????????????????????????????????

Notícias Relacionadas

Desenvolvimento Social
29/05
Prefeitura inicia primeiro Ciclo de Formação do SUAS
Educação
29/05
Secretaria de Educação participa do I Encontro de Gestores Públicos dos municípios parceiros do Instituto Chapada
Notícias
29/05
Prefeitura apresenta Relatório de Gestão Fiscal do 1º quadrimestre de 2017
Notícias
29/05
Show de Roberto Carlos e Feirão da Caixa movimentam a cidade por meio de parcerias público-privadas