Novos conselheiros tutelares tomam posse em Vitória da Conquista

conselho-tutelar

Em todos os municípios brasileiros, o domingo, 10, foi dedicado à posse dos conselheiros tutelares que, tendo sido eleitos pelo voto popular no segundo semestre de 2015, atuarão pelos próximos quatro anos em prol da garantia dos direitos das crianças e dos adolescentes do país.

Em Vitória da Conquista, município que dispõe de três conselhos – o da zona oeste, o da zona leste e um terceiro, dedicado exclusivamente às questões da zona rural –, quinze conselheiros titulares foram empossados no auditório da Rede de Atenção e Defesa da Criança e do Adolescente.

Entre os conselheiros, há vários que já ocuparam o posto no último quadriênio e, graças aos votos que receberam, foram reconduzidos ao cargo. É o caso de Aline Gonzaga, que disse considerar “uma honra” desempenhar o trabalho para o qual foi designada pela segunda vez. “Como cidadã de Vitória da Conquista, estou muito feliz com a oportunidade que me foi dada novamente. A rotina de um conselheiro tutelar é uma missão, porque é cuidar do bem-estar de todas as crianças e adolescentes da nossa cidade”, afirmou a conselheira.

O momento foi definido como “muito rico” pelo prefeito Guilherme Menezes, que destacou também a importância do trabalho dos conselhos tutelares em conjunto com os demais órgãos que se dedicam a essa tarefa. “É um órgão, antes de tudo, autônomo nessa inter-relação entre o poder público e a sociedade, envolvendo também o Ministério Público e o Poder Judiciário”, disse o prefeito. “Vitória da Conquista está se qualificando na proteção dos direitos de crianças e adolescentes”, concluiu.

Para o promotor da Vara da Infância e da Juventude, Marcos Coelho, a importância do Conselho Tutelar aumenta cada vez mais, na mesma medida das responsabilidades que são atribuídas a seus integrantes. “Que esses conselheiros possam lutar pela garantia dos direitos das crianças e adolescentes que estão em situação de risco. E, junto com o município, possam transformar a realidade dessas pessoas, que são vítimas de todo tipo de violência”, destacou.

Também compuseram a frente de honra, a presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, Cássia Eugênia Reis, a secretária municipal de Desenvolvimento Social, Kátia Silene Freitas, e o vereador Ricardo Babão.

Notícias Relacionadas

Desenvolvimento Social
24/03
Projeto Neojiba realiza apresentação externa
Desenvolvimento Social
23/03
Violência contra mulher é tema de seminário promovido pelo Conselho Municipal da Mulher
Desenvolvimento Social
21/03
Secretaria de Desenvolvimento Social recebe moradores de ocupações
Desenvolvimento Social
21/03
Secretaria de Desenvolvimento Social recebe visita de subsecretária de Políticas para as Mulheres da Bahia