Afirmação foi feita ao prefeito Guilherme Menezes, durante reunião do gestor com técnicos da Superintendência de Infraestrutura de Transportes da Bahia, da Secretaria Nacional da Aviação Civil e do consórcio Top/Paviservice

Nessa quinta-feira, 19, o prefeito Guilherme Menezes recebeu o diretor de Terminais e Aeroportos da Superintendência de Infraestrutura de Transportes da Bahia (SIT) – antigo Derba –, Denisson Oliveira; o analista de Infraestrutura da Secretaria da Aviação Civil (SAC) da Presidência da República, Raimundo Quezado; e o engenheiro do consórcio Top/Paviservice, Juan Valdívia, para uma reunião sobre o andamento das obras do novo aeroporto de Vitória da Conquista. A reunião contou ainda com a presença da secretária municipal de Infraestrutura Urbana, Debora Rocha.

Segundo o diretor de Terminais e Aeroportos do órgão, Denisson Oliveira, a obra está bem adiantada, com previsão de ser concluída até o final do ano. “A pista está praticamente pronta e toda a obra já passa dos seus 40%. Hoje, a população já sabe que tem uma ação sendo realizada e que, em breve, contará com um novo aeroporto”, afirmou o diretor.

Durante a reunião, o prefeito Guilherme Menezes ressaltou os esforços feitos para que o novo aeroporto começasse a se tornar uma realidade. “Foram muitas agendas em Brasília para chegar até aqui. A obra existe graças a uma decisão do Governo Federal de investir em infraestrutura e isso se deu por decisão política, por empenho e pela sintonia entre os governos Municipal, Estadual e Federal, que reconheceram essa necessidade da cidade”, disse o gestor.

“Desde o começo, quando o aeroporto ainda era um projeto, encontramos o apoio da Prefeitura, que tem colaborado com os técnicos. Essa é uma parceria importante e rara, se encontrássemos esse apoio em todas as cidades onde estamos executando obras, seria muito mais fácil”, agradeceu Denisson, destacando o papel fundamental do Governo Municipal e a parceria construída.

Já foram realizadas nove medições das obras do novo aeroporto, a última ocorreu no dia 11 de março, quando os técnicos do SIT apontaram que estava dentro do cronograma, com a pista de pousos e decolagens praticamente pronta. As vias internas de acesso, o pátio e outras áreas já estão bem adiantadas, assim como a sessão contra incêndios (SCI), que abrigará o Corpo de Bombeiros.

Print this pageShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someoneShare on LinkedIn