Noite cultural promovida pela Prefeitura movimenta o povoado de Xavier

A atividade reuniu pessoas de diferentes idades e foi marcada por encenação teatral, apresentação musical e pela sessão do Cinejuv

O som que vinha da sanfona, da zabumba e do triângulo anunciava que a noite de sábado, 18, no povoado de Xavier – a cerca de 20 quilômetros do centro de Vitória da Conquista – seria diferente. A música era o convite para uma aula especial, na Escola Municipal Álvares de Azevedo: ao invés das disciplinas tradicionais, os ensinamentos a serem passados naquela noite abordariam “o papel da juventude na construção de uma cidade justa e igualitária”.

Para tanto, a programação foi além da sessão do Cinejuv – projeto realizado pela Prefeitura Municipal –, abrindo espaço para encenação teatral, um bate-papo sobre os desafios enfrentados pela juventude e a apresentação musical do repentista Onildo Barbosa, que enalteceu a cultura popular. A atividade vai ficar marcada na memória afetiva não só dos jovens, mas também das crianças, adultos e idosos que prestigiaram a noite cultural.

Pessoas como a dona de casa Inês Santos. Aos seus 67 anos, ela assistiu pela primeira vez a uma sessão de cinema e não conseguia esconder a emoção e a felicidade em ter participado daquele momento que resgatou memórias de sua infância na roça. “Esse filme foi muito importante para o jovem reconhecer como era a realidade da gente: antigamente, o trabalho na roça era todo manual, hoje, está tudo moderno. Espero que outras noites como essa se repitam aqui no povoado porque ficamos muito felizes”.

Mesmo desejo foi manifestado por outra moradora do Xavier, a estudante Sara Bonfim de 19 anos. “Acho muito importante a inserção dos jovens nessa política social. E acredito que uma atividade como essa só tem a somar não só na vida dos jovens, como também na dos adultos que estiveram aqui. Os filmes foram enriquecedores. Com certeza, os jovens daqui gostaram e vão pedir mais e mais momentos como esse, que vai trazer benefício para a comunidade”.

De fato, os curtas exibidos não poderiam ser outros. “Vida Maria” e “A menina espantalho”, além de exemplificarem a produção nacional, abordam o cotidiano de uma comunidade rural. “Esses filmes têm muito a ver com essa comunidade, que se organizou e foi em busca do sinal da internet para estudar à distância, e serve de incentivo para vocês buscarem fazer cinema também”, ressaltou o estudante de Cinema da Universidade de Brasília, que comentou os filmes, Gustavo Menezes, referenciando o projeto desenvolvido pelo Governo Municipal, o Lentes Rurais.

A organização dos moradores do Xavier chama a atenção e sempre é reconhecida pelo Governo Municipal. “A comunidade do Xavier se tornou referência, um modelo de organização a ser seguido”, destacou o chefe do Gabinete Civil, Márcio Higino Melo, que representou na ocasião, o prefeito Guilherme Menezes. Como resultado dessa participação popular, além da noite cultural desse sábado, no final do mês de março, o povoado recebeu o Conservatório Itinerante.

* Também participaram da atividade o secretário de Cultura, Nagib Barroso e o coordenador municipal da Juventude, Rudival Maturano, entre outros membros do Governo Municipal.

Notícias Relacionadas

Notícia Destaque
14/11
Transporte coletivo: Prefeitura informa sobre mudanças em linhas do Conquista VI
Notícia Destaque
13/11
Plantão da Gerência de Postura apresenta balanço dos primeiros meses de funcionamento
Comunicação
13/11
Prefeitura apresenta novo portal nesta segunda-feira,16
Agricultura e Desenvolvimento Rural
13/11
Prefeitura entrega Barragem de Boa Vista nesse sábado, 14