Lázaro Francisco: o compromisso de cuidar do próximo

Médico cubano atua em Vitória da Conquista, integrando o programa Mais Médicos para o Brasil do Governo Federal

“O povo daqui se parece muito com o povo cubano – são alegres e acolhedores. Isso facilitou a minha adaptação”, contou o médico cubano Lázaro Francisco Fernandes Dias, 32, que trabalha na Unidade de Saúde da Família de Cercadinho, por meio do programa Mais Médicos para o Brasil, executado pelo do Governo Federal, em parceria com a Prefeitura de Vitória da Conquista.

Lázaro nasceu na Província de Villa Clara, onde, em 2007, formou-se em Medicina. Lá, casou em 2010 com a também médica Yanetsy Venera Sanchez. Em 2011, o casal foi morar na Venezuela, onde trabalharam até, em 2014, participarem da seleção do Mais Médicos. “Não trabalhamos apenas para nos mantermos, nossa formação é mais humanitária, procuramos ajudar, sarar o paciente”, assegurou Lázaro.

E, de fato, o compromisso de cuidar do próximo é levado a sério por Lázaro. Não existe obstáculo para atender a população. Todos os dias, ele percorre mais de 180 km (ida e volta) até Cercadinho – zona rural da cidade. Além de trabalhar na sede do distrito, o médico também atende mais 10 localidades da área de abrangência da Equipe de Saúde da Família.

“Ano passado, no dia do meu aniversário, estava chovendo e o atendimento era em Ouro Verde. Com o nosso carro, não conseguiríamos chegar até o povoado. Então, pedi emprestada a moto do agente comunitário e fomos, nós dois, atender a comunidade, que eu sabia que estava nos esperando”, relatou.

Dedicação à família, mas sem esquecer o trabalho – Quando não está trabalhando, Lázaro ajuda a esposa a cuidar de questões domésticas e pratica exercícios físicos, como futebol. Duas vezes por semana, ele se torna “jogador”, no time da Atenção Básica. “Nosso baba é um momento bom porque descansamos um pouco da correria do trabalho. Mas, como somos colegas de trabalho, depois da partida, compartilhamos nossas experiências, pensamos em como melhorar o atendimento à comunidade”, destacou.

Nos fins de semana, Lázaro aproveita também para visitar os outros 10 cubanos que moram em Conquista e conhecer um pouco mais a cidade. “Não pensava que um dia fosse morar em um país que tivesse a língua diferente do espanhol. Graças à equipe, peguei o ritmo. Durante o percurso até a unidade, meus colegas vão me ajudando a aprender palavras novas. São meus professores”, ressaltou.

Planos para o futuro – Depois de cinco anos de casado, um dos planos de Lázaro é ter filhos. Além disso, o médico espera, além de se especializar em cirurgia, voltar para Cuba. “Gosto muito de Cuba, não só pela beleza natural, mas também por conta do povo cubano. Espero retribuir ao povo cubano todo esforço para que eu me formasse médico”, concluiu.

Notícias Relacionadas

Administração
17/11
Ciclo de Capacitação qualifica gestores municipais
Administração
17/11
Concurso Público: Prefeitura realiza cerimônia de posse de convocados na 44ª chamada
Administração
04/11
Nota de pesar pelo falecimento de Lucas Oliveira Menezes
Administração
28/10
28 de outubro: Servidores públicos promovem, com o Governo, o crescimento da cidade