A comunidade de Cabeceira do Jiboia, distrito situado a 30 km da sede do município de Vitória da Conquista, prestigiou na manhã deste domingo (01) a cerimônia de entrega das novas instalações da Escola Municipal Eulálio Leite. As obras de reforma e ampliação atenderão 165 alunos da região em aulas nos dois turnos.

O prefeito municipal, Herzem Gusmão, acompanhado por uma comitiva de secretários de governo, fez o descerramento da placa do colégio que leva o nome do pai do trigésimo prefeito de Vitória da Conquista, o médico Orlando Leite. Estiveram ainda na solenidade, os vereadores Lúcia Rocha, Edjaime Rosa (Bibia) e o presidente da câmara, Luciano Gomes.

Em seu discurso, Herzem ressaltou a ênfase dada pela Prefeitura à educação, sobretudo nos distritos de Vitória da Conquista. “Uma escola nova, com salas amplas e muito bem equipado. É assim que a prefeitura tem trabalhado, utilizando modelos pioneiros de educação pelo Brasil. Esta era uma demanda antiga dessa comunidade e que a Prefeitura atendeu com enorme satisfação”, ressalta.

Para o secretário municipal de educação, Esmeraldino Correia, a administração do município tem buscado resultados cada vez melhores em seus índices educacionais. “O investimento do governo municipal na  educação de Vitória da Conquista é extremamente significativo. Embora seja algo voltado para o futuro, já estamos colhendo os frutos desse trabalho e vendo a transformação dessas comunidades”, completa.

Morador do distrito, o vereador Luciano Gomes comemorou a inauguração da escola, parada desde 2013 e retomada em janeiro de 2019. “Agradeço, em nome da comunidade, ao prefeito Herzem pelo grande trabalho da prefeitura feito em nosso distrito. É uma grande satisfação ver que a gestão municipal tem o cuidado em executar as obras que a população de fato precisa” afirma Luciano.

A Escola Municipal Eulálio Leite receberá ainda os 19 alunos do sistema multiseriado da Escola Municipal Bibiana Ferreira Porto, localizada na Fazenda Brejo II. Essa é uma das metas da Secretaria Municipal de Educação (Smed), que consiste em realizar a nucleação na Rede Municipal de Ensino, obedecendo as diretrizes do Projeto Educar pra Valer,   que tem a participação de Vitória da Conquista participa desde 2019.