Contribuir com a manutenção de praças em Vitória da Conquista é um dever de todos. Com a Lei 1.649/2009, as ações direcionadas à preservação desses espaços públicos vão ainda mais além. Isso ocorre porque os princípios da lei, de autoria do ex-parlamentar Beto Gonçalves (PV), sancionada pelo prefeito Guilherme Menezes, estabelecem uma cooperação entre a iniciativa privada e o poder público para que as praças sejam cuidadas. Assim, as empresas do segmento privado podem ajudar significativamente na conservação desses espaços no município.

Fruto dessa ação, o prefeito Guilherme Menezes, o chefe de Gabinete, Márcio Higino, o secretário Municipal de Serviços Públicos, Élvio Dourado, e a engenheira Civil da Secretaria Municipal de Infraestrutura, Nelma Moraes, receberam, na manhã desta terça-feira, 5, empresários do Grupo Marinho de Andrade, do segmento de produtos de limpeza, para a apresentação do projeto arquitetônico da Praça José Marinho de Andrade, situada nas margens da Avenida Régis Pacheco. Também participou da apresentação o ex-vereador Beto Gonçalves.

O projeto arquitetônico conta com uma série de intervenções em todos os pontos da praça. A proposta é tornar o ambiente mais moderno e com a acessibilidade garantida, com rampas de acesso para cadeirantes. Além disso, haverá lixeiras fixas, canteiro, bancos, entre vários outros equipamentos padronizados. O local também contará com a conservação das árvores existentes e com placas contendo informações sobre o homenageado com o nome da praça, o empresário José Marinho de Andrade.

O projeto arquitetônico será avaliado pelas secretarias municipais de Serviços Públicos, Infraestrutura e Meio Ambiente, que também farão uma visita técnica ao local. Após essa análise, o próximo passo será a intervenção. “A praça é um local importante para a cidade, porque é um espaço de convivência para os moradores. Por isso, esse projeto é importante”, declarou o prefeito.

Cláudio Andrade

De acordo com o empresário Cláudio Andrade, a adoção foi uma forma de, além de homenagear o seu pai, José Marinho de Andrade, contribuir com o município. “Adotamos a praça por dois motivos, para homenagear o nosso pai e, ao mesmo tempo, para gerar um retorno para o município, pelos benefícios que ele tem proporcionado para nossa empresa. Além disso, acreditamos que a parceria público-privada é fundamental”, contou. Cláudio estava acompanhado no encontro com o Governo Municipal do irmão, José Luiz Andrade.