Governo Municipal autoriza ampliação das Unidades de Saúde do Pradoso e do Capinal

O Governo Municipal sempre priorizou a participação popular, visando uma administração democrática, com geração de benefícios e resultados diretos para a população. O Orçamento Participativo, em vigor há 19 anos, é o meio pelo qual a população propõe, discute e decide sobre o orçamento municipal e as políticas públicas.

Por meio desse instrumento de participação, o OP, as comunidades do  Pradoso e do Capinal solicitaram a ampliação das unidades de saúde das localidades. E na manhã desta quarta-feira, 30, eles tiveram esse pedido atendido. O prefeito Guilherme Menezes assinou as Ordens de Serviço (OS) para ampliação de ambas as unidades, na presença de representantes das comunidades, servidores dos equipamentos de saúde e membros do Governo, entre eles, a secretária de Saúde, Márcia Viviane de Araújo.

Para a realização das obras serão investidos mais de R$ 245 mil, oriundos do Governo Federal, com contrapartida do Município. “ O Governo Municipal não mede esforços para melhorar o atendimento para a população especialmente na área da saúde. O município avançou muito de 97 até aqui. Hoje, contamos com 75 postos de saúde só na zona rural – isso mostra a vontade política e o comprometimento que o Governo tem com a população”, destacou o prefeito.

Para o vereador, Luciano Gomes, o Governo Municipal está de parabéns. “A administração Municipal tem desenvolvido um trabalho muito bom em toda a cidade, especialmente na zona rural e por isso temos de felicitá-lo”, afirmou.

O anúncio da ampliação alegrou os moradores. Para a moradora do Pradoso, Izabel Prado, a comunidade toda sai ganhando. “ Obras como essa são muito importantes pois vão beneficiar toda a população da localidade. Minha família praticamente fundou o Pradoso e eu fico muito feliz em ver o quanto a nossa comunidade já avançou”, disse.

Melhorias Estruturais – Após a ampliação, a Unidade de Saúde do Pradoso passará a ter a área total construída de 207,90 m² e os seguintes espaços: duas salas de procedimentos, farmácia, sala de curativos, dois sanitários para usuários – adaptados para portadores de deficiência física –, recepção, consultório, sala de dispensação de medicamentos, sanitário para funcionários, depósito de materiais de limpeza, sala de atividades coletivas, copa, almoxarifado, escovódromo, consultório odontológico, dois consultórios médicos e um consultório para ginecologista.

Já a unidade do  Capinal contará com: depósito de materiais de limpeza, dois sanitários para usuários – adaptados para portadores de deficiência física –, recepção, sala de procedimentos e curativos, farmácia, escovódromo, copa, consultório odontológico, sala de atividades coletivas, sala de vacina, almoxarifado, consultório médico, consultório para ginecologista, sanitário para funcionários, expurgo e sala de esterilização.

Notícias Relacionadas

Gabinete Civil
21/08
Prefeitura procura quadros de ex-prefeitos para recuperar patrimônio histórico
Gabinete Civil
21/08
Nota de Pesar pelo falecimento de Matheus da Hora Oliveira
Gabinete Civil
21/08
Cursinho Pré-Vestibular Quilombola abre vagas para novos estudantes
Gabinete Civil
17/08
Fórum sobre Distribuição de Água reúne gestores para discutir Operação Pipa