Além das recomendações e cuidados presentes nas legislações vigentes, as seguintes medidas são importantes:

 

3.1 – Colaboradores no ambiente de trabalho

  • Antes da retomada das atividades e de retorno dos colaboradores, deve ser realizado contato prévio a fim de identificar se o mesmo está apto ao retorno imediato ou se deve ser direcionado ao serviço de saúde;
  • Colaboradores com síndrome gripal ou sintomas relacionados devem procurar o sistema de saúde para serem avaliados antes de iniciar suas funções;
  • Cobrir a boca com o antebraço quando tossir ou espirrar (ou utilize um lenço descartável e, após tossir/espirrar, descarte devidamente o lenço e lave as mãos)
  • Evitar tocar nos olhos, boca e nariz;
  • Higienizar as mãos frequentemente e nas seguintes situações: ao chegar ao trabalho, após ir ao sanitário, após tossir, espirrar, assoar o nariz; Após usar esfregões, panos ou materiais de limpeza; Após recolher lixo e resíduos;
  • Os colaboradores, ao entrarem no estabelecimento, devem adotar todas as medidas de higiene como: lavagem das mãos e antebraços e se possível tomar banho, trocar de roupa (vestir-se com o uniforme), separando sua roupa comum em saco plástico e guardar em local apropriado e reservado para tal;
  • Nos vestiários, devem ser tomados os cuidados para evitar a contaminação cruzada do uniforme, como não manter em contato os uniformes limpos e os sujos, bem como não deixar os sapatos em contato com os uniformes limpos.
  • Todos os colaboradores deverão estar utilizando Equipamentos de Proteção Individual (EPI): Máscara, face shield e luvas (quando não for possível a lavagem das mãos com a frequência necessária).

 

3.2 – Colaboradores fora do ambiente de trabalho

O trajeto entre a casa e o local de trabalho é o momento de maior exposição dos colaboradores ao vírus. Portanto, é imprescindível que os colaboradores sejam orientados aos seguintes cuidados:

  • Não realizar o trajeto de uniforme, a fim de evitar a contaminação dos colegas de trabalho, bem como utilizá-lo somente dentro do estabelecimento;
  • Lavar e trocar os uniformes diariamente e levá-los ao local de trabalho protegidos em saco plástico ou outra proteção adequada. Os cuidados para evitar a contaminação cruzada do uniforme devem ser tomados, como não manter em contato os limpos e os sujos;
  • Não tocar boca, nariz e olhos durante o trajeto;
  • Higienizar as mãos sempre que sair e voltar ao local de trabalho;
  • Utilizar máscaras de proteção, seguindo as respectivas orientações.

 

3ª Fase – Bares e Restaurantes