Ecoteca será doada à escola municipal de Inhobim

Aproximadamente 1.300 alunos – e ainda a comunidade do distrito – poderão ter acesso ao acervo, formado por 300 livros e 100 filmes

Em breve, os 1.300 alunos do Círculo Escolar Integrado (CEI) de Inhobim, sediado na Escola Municipal Paulo Setúbal, terão acesso a um novo equipamento para incrementar seus estudos. Trata-se da Ecoteca, um projeto desenvolvido em caráter nacional pela Rede Educare, que, na Bahia, é realizado em parceria com a Coelba.

A iniciativa consiste numa biblioteca fabricada com materiais recicláveis, dotada de um acerco composto por 300 livros e 100 filmes. Para complementar a estrutura, 40 cadeiras para que os estudantes possam desfrutar da leitura.

Todo esse equipamento estará disponível a alunos de escolas municipais rurais e urbanas (como a Maria Edvanda Teixeira, no bairro Vila América, e a Tobias Barreto, do distrito de Veredinha) na Praça da Juventude, até o próximo sábado, 3. Em seguida, será doado ao já citado CEI de Inhobim – cujo diretor, José Roberto Amaral, já definiu a novidade como “um presentaço”.

“É um equipamento que vai beneficiar, inclusive, a comunidade”, afirmou Amaral, ressaltando assim um dos principais objetivos da Ecoteca: incentivar a leitura como um hábito para além das paredes da sala de aula ou das lições escolares.

O secretário municipal de Educação, Valdemir Dias, já antevê as vantagens da doação. “O próprio padrão da Ecoteca já vem com esse conceito da sustentabilidade. O equipamento multimídia vai proporcionar maior interação aos nossos alunos”, afirmou Valdemir. “Isso é tudo o que nós precisamos nas nossas escolas: incentivar cada vez mais a leitura, a criatividade e da visão de mundo que cada um traz consigo”, complementou.

Notícias Relacionadas

Educação
19/10
Começa o Curta 5, segunda etapa da Mostrinha de Cinema Infantil e Mostra Juvenil
Educação
18/10
Smed e Proler promovem capacitação para educadores da Rede Municipal
Educação
17/10
Povoado de Cabeceira sedia XXVI Encontro de Leitura do Proler
Educação
15/10
Professora da rede destaca profissão como ferramenta de transformação social