Celebrado mundialmente como o Dia da Água, o 22 de março, em Vitória da Conquista, contou com uma programação especial promovida pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente, em parceria com o Serviço Nacional do Comércio (Sesc) e a Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa).

As atividades envolveram cerca de 100 crianças e adolescentes atendidos pelo Lar Santa Catarina de Sena, na tarde desta quarta-feira. Oficinas de reciclagem, palestras, teatro de fantoches e exibição de vídeos mostraram aos meninos e meninas a importância do uso consciente dos recursos hídricos.

Na ocasião, o Gerente de Projetos da Secretaria de Meio Ambiente, Antônio Gabriel Oliveira, lembrou que a programação do Mês da Água teve início no dia 6 de março com palestras e teatro de fantoches nas escolas municipais. O gestor destacou a necessidade desse trabalho de conscientização. “A Bahia enfrenta a maior seca dos últimos 100 anos e mostrar as crianças desde o berço sobre a gestão da água cria possibilidades para termos adultos de fato conscientes sobre o seu papel no meio ambiente”.

A Orientadora Social do Sesc, Lilia Santos mencionou a importância da parceria com a Prefeitura para efetividade das ações. “Temos o maior prazer em trabalhar em conjunto com atividades que reforçam a ideia de preservação dos recursos naturais, e acho que dessa forma alcançamos bons resultados”.

Para a professora do Lar Santa Catarina de Sena, Irmã Lucineide Boa Ventura, a programação foi mais um momento de ensinar as crianças atitudes positivas. “Muitos desses meninos vêm de casa achando que não é preciso fechar uma torneira ou tomar um banho rápido, e aqui, de forma lúdica, eles estão tendo essa consciência”. A estudante Carolaine Pereira, de 11 anos, mostrou que entendeu o recado: “eu aprendi muita coisa legal. Que a gente não pode desperdiçar água, pois se não ela vai acabar no mundo e a gente pode morrer de sede”.