Dia Internacional dos Museus é celebrado em Vitória da Conquista

Com atividades locais, o município integra a programação da 13ª Semana Nacional de Museus entre os dias 18 e 28 de maio

Com o objetivo de celebrar o Dia Internacional de Museus, comemorado no dia 18 de maio, o Instituto Brasileiro de Museus (Ibram) convidou museus brasileiros para participarem da Semana Nacional de Museus, que integra diversas atividades e começa a partir dessa data. Este ano, décima terceira edição do evento, a semana tem como tema “Museus para uma sociedade sustentável”, proposto pelo Conselho Internacional de Museus (Icom).

Em Vitória da Conquista, entre os dias 18 e 28 de maio, entidades culturais estarão realizando ações educativas que aproximam os museus da sociedade, tornam a cultura e os museus brasileiros conhecidos e reconhecidos no cotidiano das pessoas, ampliam a visitação a esses espaços, fortalecem sua imagem e legitimam seu papel para a sociedade.

As atividades culturais acontecem no Museu Literário Professora Amélia Barreto de Souza – Memorial Governador Régis Pacheco; no Museu Pedagógico da Uesb – Casa Padre Palmeira; e no Museu Regional de Vitória da Conquista – Casa Henriqueta Prates. A programação contará com o apoio da Prefeitura Municipal de Vitória da Conquista, por meio da Secretaria de Cultura, Turismo, Esporte e Lazer.

O Museu Literário Professora Amélia Barreto de Souza e o Memorial Governador Régis Pacheco estarão participando da 13ª Semana Nacional de Museus com a seguinte programação: 

“Histórias de árvores e flores no Sertão da Ressaca (1900 a 2015)”

Dia 18 (segunda-feira), 16h

• Memória e História: Maria Ribeiro entre flores.

Professora Mestre Rosália Rocha

• Homenagem a artista plástica Edmea de Oliveira.

Comentários da obra pela artista plástica Marisa Correia

• Poesias floridas de autores baianos.

Elton Becker, Paula Ferreira e Lana Sheila

Exposições:

• Histórias de árvores e flores no Sertão da Ressaca (1900 a 2015): Registro fotográfico de árvores plantadas em Vitória da Conquista na primeira metade do século XX e que ainda sobrevivem em 2015.

• Conquista terra das rosas: cuidar e preservar
Participação de escolas públicas e particulares com fotografias e desenhos da vegetação de Vitória da Conquista, no ano de 2015. Registro de árvores, flores em praças, quintais e jardins.

• Exposição de flores cultivadas na Lagoa das Flores.

• Os Raizeiros: produção de raízes, sementes e folhas medicinais.

• Vídeo-documentário “Histórias de Árvores” – panorama ambiental de Vitória da Conquista, das árvores centenárias, raizeiros e as iniciativas de sustentabilidade.
Andreia Almeida e Thaminy Brito

Notícias Relacionadas

Cultura, Turismo, Esporte e Lazer
24/03
Vitória da Conquista recebe Festival Internacional de Artistas de Rua da Bahia
Cultura, Turismo, Esporte e Lazer
22/03
Curso para Árbitros certifica mais de 60 profissionais
Cultura, Turismo, Esporte e Lazer
22/03
Festival Internacional de Artistas de Rua chega nesta quinta, 23, em Conquista
Cultura, Turismo, Esporte e Lazer
18/03
I Sarau da Secult reúne artistas e agrada público