Conferência da Juventude destaca importância da participação do jovem na construção das políticas públicas

 

Dar voz à juventude conquistense para discutir temas de seu interesse e elaborar propostas que serão apresentadas ao poder público é o objetivo da 2ª Conferência Municipal da Juventude. A abertura do evento foi realizada nessa sexta-feira, 21, no auditório da Secretaria Municipal de Trabalho, Renda e Desenvolvimento Econômico (Semtre). O evento reuniu parcela numerosa de jovens da cidade, além de representantes da administração pública e demais autoridades municipais.

O prefeito Guilherme Menezes enumerou as iniciativas que vêm sendo tomadas em parceria e em defesa dos jovens do município. Pacto pela Juventude, Estação Juventude, Festival da Juventude e a própria reativação do Conselho Municipal da Juventude são alguns destaques. “São passos importantes que mostram o vigor e a vontade dessas pessoas de participar de forma organizada e civilizada da juventude de Conquista. Que essa juventude ajude a fortalecer cada vez mais os vínculos democráticos necessários para os avanços progressistas que nossa cidade precisa ter pra ser cada vez mais dinâmica e humana”, expressou.

Palestrando sobre o tema nacional da Conferência, “As várias formas de mudar o Brasil”, a advogada e gerente do Creas Rural, Poliane de Santana, destacou a necessidade de se estudar o histórico da construção das nossas políticas públicas. “O município avançou muito em políticas específicas e pioneiras. Precisamos analisar o que temos para obter um reflexo do que deve ser implementado”, avaliou a palestrante. Além disso, ela destaca que, hoje, as grandes discussões nesse sentido giram em torno da diversidade de gêneros, participação das mulheres jovens na esfera educacional e no mercado de trabalho e o combate à violência.

Representando a juventude conquistense, Mateus Moura, vice-presidente do Conselho Municipal da Juventude, afirmou que a Conferência é um dos mais importantes espaços que o jovem tem de participação dentro do poder. “Este evento possui o caráter democrático de participação livre e plural de homens, mulheres, jovens negros, de periferia, de religiões de matrizes africanas, nos quais a gente vê a necessidade de integração com o poder”, analisou.

Na mesa de trabalho formada na cerimônia de abertura, também estiveram presentes o Coordenador Municipal da Juventude, Rudival Maturano; o juiz da Vara da Infância e Juventude, Juvino Henrique Brito; o vereador Coriolano Moraes, representando a Câmara Municipal de Vereadores; e Ariele Miranda, representando as jovens mulheres.

Durante a Conferência Municipal da Juventude, serão definidas as propostas e eleitos 20 delegados que irão representar Vitória da Conquista na etapa territorial. A programação do encontro conta também com a ação de grupos de trabalho para discutirem temas do interesse da juventude, como saúde, educação, trabalho e cultura, durante todo este sábado, 21.

Notícias Relacionadas

Gabinete Civil
15/12
Prefeitura Móvel leva a Administração Municipal à região da Urbis VI
Educação
15/12
Alunos de escola municipal apresentam espetáculo de dança em shopping
Desenvolvimento Social
14/12
Vitória da Conquista participa de capacitação do Selo Unicef
Gabinete Civil
14/12
Prefeitura realiza confraternização com educandos atendidos pelos Cras