Começa a IV Conferência Territorial dos Direitos da Pessoa com Deficiência

Na tarde desta quarta-feira, 22, teve início em Vitória da Conquista a IV Conferência Territorial dos Direitos da Pessoa com Deficiência. Representantes dos municípios que compõem o território de Vitória da Conquista vieram discutir o tema “O desafio na implementação das políticas da pessoa com deficiência: a transversalidade como a radicalidade dos direitos humanos”, por meio de três eixos temáticos: a) Identidade de gênero e raça, diversidade sexual e geracional; b) Órgãos gestores e de instâncias de participação social; e c) Interação entre os poderes federados.

Dos 24 municípios que fazem parte do território em questão, Vitória da Conquista é o único que possui o Conselho Municipal da Pessoa com Deficiência, implantado em 2012. Durante a abertura do evento, o chefe do Gabinete Civil, Márcio Higino Melo, representando o prefeito Guilherme Menezes, incentivou os demais municípios integrantes a implantarem seus Conselhos. “Temos um exemplo de projeto público humanista, que vê e cuida do outro. O Governo Municipal desde o primeiro momento deixou de ser somente representativo para ser também participativo, para que todos os segmentos da sociedade, inclusive o da pessoa com deficiência, tenham vez e voz. Estamos convencidos de que as propostas elaboradas por essa Conferência irão se somar às que já existem em nossa realidade”, afirmou.

O presidente do Conselho Municipal da Pessoa com Deficiência, Luís Fernando Couto, agradeceu o apoio da Prefeitura Municipal para a realização da Conferência, ao mesmo tempo em que demonstrou a satisfação de um momento que proporcione essas discussões, que ganharão a esfera nacional. “O Conselho reafirma a luta em buscar e exigir o cumprimento daquilo que deve ser o direito de todos”, garantiu.

O representante do Conselho Estadual da Pessoa com Deficiência, Valdenor Oliveira, trouxe um dado importante para reflexão: 24% da população brasileira são compostos por pessoas com deficiência. “São seres humanos dotados de direitos, por isso se mostram necessárias políticas e novas propostas nesse campo”, ressaltou. Para ele, a Conferência é um momento importante para discutir a qualidade de vida desse público e fomentar os projetos voltados à pessoa com deficiência não apenas no âmbito estadual, mas em todo o país.

Também participaram da abertura do evento a Diretora de Assistência Social, Kátia Silene; a representante do Núcleo Diretivo do Território, Maritza Ribeiro; e Carolina Quaresma, representando a comunidade. A programação da Conferência também se estende por toda essa quinta-feira, 23.

Notícias Relacionadas

Desenvolvimento Social
22/06
Confraternizações juninas movimentam serviços da assistência social
Desenvolvimento Social
22/06
Morar Legal entrega escrituras para moradores do Henriqueta Prates
Desenvolvimento Social
21/06
Idosos se divertem no Arraiá da Terceira Idade
Desenvolvimento Social
16/06
Bolsa Família Móvel estará no Miro Cairo nesta segunda-feira, 19