Cidade Maravilhosa recebe plenária do Orçamento Participativo

Mais uma comunidade de Vitória da Conquista se reuniu em torno de um objetivo comum: exercer o direito de cidadania. Trata-se do bairro Cidade Maravilhosa e região, que recebeu, na noite dessa segunda-feira, 3, a plenária referente ao 11º Congresso do Orçamento Participativo (OP). Na oportunidade, que aconteceu na Escola Municipal Paulo Freire – Caic, foram expostas as demandas da localidade a partir do ponto de vista dos próprios moradores.

O secretário municipal de Governo, Edwaldo Alves, recebeu a população explicando os objetivos do encontro e explanando sobre o orçamento do Município. “O Governo Municipal está feliz com essa quantidade significativa de pessoas discutindo as melhorias para a cidade. Em 1997, nesse mesmo local, o Governo Municipal instituiu o Orçamento Participativo como ferramenta de administração. A ideia era: somente quem conhece a fundo o bairro é quem mora nele e, por isso, é a pessoa ideal para contribuir. E assim segue até os dias de hoje”, explicou o secretário que complementou: “A partir dessa noite, as demandas mais importantes, escolhidas pelos senhores, serão encaminhadas para serem defendidas no Congresso do OP”.

Representando sua localidade, a presidente da Associação Comunitária de Moradores do Loteamento Bateias II, Rose Santana, recém-empossada, afirmou que são em espaços democráticos como as plenárias que as comunidades ganham força. “Reunir os moradores com democracia e em momentos em que o povo tem voz, é muito importante porque as pessoas realmente participam. É através da mobilização que a população consegue falar sobre suas demandas. A comunidade realmente acredita nesse modelo de administração democrática”.

Mesmo sentimento foi compartilhado pelo presidente da Associação Comunitária de Moradores do Cidade Maravilhosa. “O momento da plenária é um momento especial, onde a gente tem a possibilidade de discutir os problemas, indicar o que a gente acha mais importante e seguir até o congresso para lutar por nossas demandas”.

Com mais de 140 presentes, o Cidade Maravilhosa pode eleger 14 – e 7 suplentes – que defenderão duas demandas prioritárias no congresso. As outras três mais eleitas serão encaminhadas para as secretarias responsáveis.

Notícias Relacionadas

Governo
10/08
Prefeitura participa de cerimônia dos 70 anos da Fecomércio
Governo
11/07
Conquistense poderá fazer recadastramento biométrico no Centro Glauber Rocha
Governo
21/06
Governo e comunidade se reúnem para construção coletiva da LDO
Governo
23/03
Moradores do Coveima são recebidos pelo Governo Mais Perto de Você