Centro Municipal de Pneumologia e Dermatologia Sanitária recebe visita do Morhan

Na ocasião, foi discutida a possibilidade de criação de um grupo de auto-cuidado em Vitória da Conquista

Referência em Vitória da Conquista no tratamento da hanseníase, o Centro Municipal de Pneumologia e Dermatologia Sanitária – vinculado à Prefeitura – recebeu, este mês, a visita do Movimento de Reintegração das Pessoas Atingidas pela Hanseníase (Morhan). A visita fez parte das atividades do projeto IntegraHans. O movimento objetivou conhecer o serviço, conversar com pacientes e apresentar proposta para criação de um grupo de auto-cuidado em Vitória da Conquista.

A visita do coordenador do Morhan, Artur Custódio, foi acompanhada pela secretária municipal de Saúde, Márcia Viviane de Araújo, da diretora de Vigilância a Saúde, Dalva Prates, demais técnicos do serviço e quatro pacientes que relataram a sua vivência com a doença e o tratamento oferecido pelo serviço. “O Governo Municipal se sente honrado em poder receber a visita da principal entidade não governamental na área, que há mais de 30 anos vem ajudando a reabilitar e reinserir socialmente os pacientes atingidos pela hanseníase no Brasil”, ressaltou Márcia Viviane.

Atualmente, o Centro conta com uma média de 400 pacientes sendo acompanhados. São moradores de Vitória da Conquista e de outros municípios da região sudoeste da Bahia. Este ano, até o mês de setembro, 50 pessoas iniciaram o tratamento no serviço. “Percebi as manchas e a sensibilidade nas mãos e procurei o serviço. Estou fazendo meu tratamento há cinco meses, não tive reação”, explicou Micaela Jesus dos Santos, 21.

Ednalva Pires Matos, 38, que já concluiu o tratamento, lembrou: “depois de fazer muitos exames, a médica descobriu a doença e me encaminhou aqui para o serviço. Já conclui o tratamento, sofri muito até descobrir e tratar; agora, estou feliz. O serviço foi maravilhoso”, lembrou Ednalva. Já Maria da Juda, 58 anos, lembra das dores que sentia nas pernas, “minha filha que tomou a iniciativa e me trouxe aqui. Graças a Deus estou bem agora. Gostei muito do atendimento aqui”, avaliou Maria.

Durante a reunião, Artur Custódio, fez uma proposta para a montagem de um grupo local, já que a entidade está presente em mais de 200 cidades no país. “Aproveitamos o momento do IntegraHans para conhecer o serviço e apresentar a proposta de implantação de um grupo de auto-cuidado do Morhan, para as pessoas discutirem os seus problemas e que isso influencie as políticas públicas para que melhore para eles e para todos os outros que estejam doentes”, esclareceu.

Notícias Relacionadas

Notícias
22/06
Transporte coletivo: alteração nos horários de ônibus nesta sexta, 23
Cultura, Turismo, Esporte e Lazer
22/06
Caetano Bonfim, Fulor do Cangaço e Rony Barbosa abrem Arraiá da Conquista
Cultura, Turismo, Esporte e Lazer
22/06
Abertura do Arraiá da Conquista consagra sucesso do evento
Gabinete Civil
22/06
Governo Municipal e Sesi estreitam relações