Implantado em dezembro de 2011, pelo Governo Municipal, o Centro de Atenção Psicossocial Infantil e Adolescente (Caps IA) – vinculado à Secretaria Municipal de Saúde – é responsável pelo atendimento de crianças e adolescentes com sofrimento mental grave. Por mês, são atendidas em torno de 620 pessoas, por uma equipe multiprofissional composta por médicos especialistas, psicólogos, enfermeiros, psicopedagogos, educador físico, arteterapeuta e terapeuta ocupacional, além da equipe administrativa.

Atualmente, o serviço conta com 800 usuários cadastrados. Destes, 505 estão em tratamento, a exemplo de Gustavo, 10 anos de idade, filho de Raimundo Alves. Ele foi um dos primeiros usuários cadastrados pelo serviço. “Meu filho tem autismo atípico, tendo sido detectado ainda quando bebê. E foi depois do Caps que ele apresentou melhoras no sono, diminuiu a agitação, melhorou na escola. Ou seja, o Caps foi fundamental para a melhoria da socialização, foi um ‘divisor de águas’”, avaliou Raimundo.

Além de consultas individuais, o serviço oferece diversas oficinas em grupo tanto para pacientes quanto para familiares. “Como o público atendido pelo Caps é de crianças e adolescentes, buscamos trabalhar sempre com o lúdico e, desta forma, eles aprendem regras de convivência e melhoram a autoestima, bem como manter contato com a família e a escola”, esclareceu a psicóloga do serviço, Ana Luiza Santos, durante a oficina de origami e dobradura, que busca estimular a psicomotricidade, a concentração e a criatividade.

Rosângela Porto Andrade, mãe de Ariel, de 8 anos de idade, acompanha o filho no serviço há dois anos, por conta, entre outros, do déficit de atenção e da hiperatividade. “Quando chegamos aqui, ele nem sentava. Hoje, ele aprendeu a ler e a escrever, e, com isso, já está na escola. Sinto-me mais tranquila, mais segura”, ressaltou Rosângela.

“O respeito e atenção aos pacientes são características fundamentais para se oferecer um bom serviço para a população. E, nesses três anos, o Caps IA tem feito a diferença dentro da Rede de Atenção Psicossocial”, avaliou o gerente do Caps IA, Rodrigo Ribeiro.

O Caps IA funciona na Rua Leonídio de Oliveira, nº 427, bairro Recreio, de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h.

Print this pageShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someoneShare on LinkedIn