O sábado foi de visitar a Reserva Florestal do Poço Escuro, última atividade da Semana Municipal do Meio Ambiente, que tem como tema “Conquista 200: uma cidade mais verde”, promovida pela Prefeitura desde a quarta-feira (5) em Vitória da Conquista. A caminhada ecológica coloca as pessoas em contato com a natureza e apresenta o Rio Verruga, que nasce dentro da reserva.

O guia José Airton Lopes é quem recepciona os visitantes e orienta quanto à trilha e os cuidados que devem ser observados, não deixando de considerar o Poço Escuro sua própria casa. “Eu não consigo sair daqui”, declara ele, antes de levar o grupo mata a dentro.

Entre as pessoas do grupo, estava o pequeno João Rubens, de 5 anos. “A gente não tem aquele hábito de vir aqui sozinha, e é sempre nessa programação que nós fazemos essa caminhada”, conta a mãe, Ione Quadros, que visita o Poço Escuro pela terceiro ano consecutivo, durante a Semana do Meio Ambiente. “Esse contato pra ele é muito importante, ver os animais, as plantas, conhecer de perto, isso é melhor que eu apenas falar dentro de casa sobre a preservação da natureza”, completa.

De acordo com a secretária de Meio Ambiente, Ana Cláudia Passos, essa atividade já virou uma tradição. “O Poço Escuro ainda sofre influências do homem, ele está entre bairros, e mesmo com a fiscalização ainda encontramos resíduos na sua área. E aqui dentro nasce o Rio Verruga, que é o principal rio da nossa cidade. É um rio que está pedindo socorro”, alerta Ana Cláudia, ressaltando que a caminhada tem uma função educativa.

Sobre a Semana do Meio Ambiente, ela avalia: “fizemos uma semana com várias palestras, mini-cursos, repleta de atividades e com esse encerramento dentro da natureza podemos considerar que a programação foi um sucesso”.

Durante a programação, na quinta-feira, também aconteceu uma visita ao Rio Verruga, nas proximidades da Av. Bartolomeu de Gusmão, onde foram plantadas mudas de espécies nativas.