Administração Municipal recebe o vereador Florisvaldo Bittencourt

As ações que resultam em melhorias para Vitória da Conquista, muitas vezes, são alcançadas por meio de parcerias estabelecidas entre as diferentes esferas do poder público. Consciente disso é que o Governo Municipal mantém uma agenda de reuniões com o Legislativo, oportunidade na qual são debatidas as demandas dos mandatos dos vereadores, bem como iniciativas gerais que visem o bem-estar da comunidade.

E mais um encontro com essa finalidade foi realizado na última semana, mais especificamente, na sexta-feira, 28, quando o prefeito Guilherme Menezes recebeu o vereador Florisvaldo Bittencourt. Na pauta, algumas questões referentes a demandas encaminhadas pelo vereador no orçamento municipal, a exemplo da construção do posto de saúde do povoado de Corta Lote.

A obra já foi iniciada pela Prefeitura no último dia 18 de agosto. A nova unidade, demandada pela população por meio do Orçamento Participativo, contará com uma estrutura formada por sala de espera, consultório, farmácia, depósito e sanitário.

“Avalio a reunião como muito importante, extremamente positiva. Pude perceber do prefeito o acolhimento das nossas demandas. Foi estabelecida de forma clara e objetiva, uma relação de proximidade, um ambiente de cordialidade, como sempre foi. Sem dúvidas nenhuma, haveremos de crescer e desenvolver os projetos para nossa cidade”, afirmou o vereador.

Essa é uma oportunidade importante para garantir o diálogo permanente entre o Governo e a Câmara. “É por meio desse debate transparente que são alcançados os benefícios diretos para a população, a exemplo do posto”, assegurou o gestor.

Notícias Relacionadas

Gabinete Civil
22/08
Governo reúne Fundação Dom Cabral, vereadores e empresários para apresentar planejamento estratégico
Gabinete Civil
22/08
Escolhido o nome para o planetário de Vitória da Conquista
Gabinete Civil
21/08
Prefeitura procura quadros de ex-prefeitos para recuperar patrimônio histórico
Gabinete Civil
21/08
Nota de Pesar pelo falecimento de Matheus da Hora Oliveira