A Secretaria Municipal de Saúde, por meio da Vigilância Municipal em Saúde, realizou nessa quinta-feira, 03, a 1ª Reunião Ampliada de Vigilância em Saúde de Vitória da Conquista. O evento, que lotou o auditório do Polo Permanente de Educação em Saúde, no CEMAE, contou com a presença de diversos profissionais da área, da Secretária Municipal de Saúde, Ceres Almeida, do vereador Jorge Bezerra, da psicóloga Monalisa Barros e da sanitarista da SESAB, Ita de Cácia Aguiar Cunha.

Com o tema “Vigilância em Saúde: Direito, Conquistas e Defesa de um SUS Público de Qualidade” a Reunião Ampliada contou com alguns eixos de discussão que incluíram a integração dos programas de todas as vigilâncias: epidemiológicas, sanitárias, em saúde ambiental, do trabalhador e dos laboratórios de saúde pública. As responsabilidades do Estado e dos governos com a Vigilância em Saúde também estiveram em pauta. De acordo com a diretora da Vigilância à Saúde, Ramona Cerqueira, a reunião é uma forma de se estender as discussões em defesa do Sistema único de Saúde (SUS) e desenvolver ações para a construção de uma Política Nacional de Vigilância em Saúde. Ela explica: “Esse encontro visa discutir o papel da Vigilância no SUS, a responsabilidade dos governos com a vigilância e o enfrentamento das desigualdades sociais em saúde”.

Para a secretária municipal de saúde, Ceres Almeida, a conferência é um momento único para a saúde. Ela explica: “Em todos os anos de SUS que eu tenho é a primeira vez que vejo uma reunião ampliada para tratar de um tema tão importante que é a Vigilância. Daqui sairão as propostas que vão contribuir, e muito, para que tenhamos um SUS melhor e mais efetivo”. A psicóloga Monalisa Barros também reconheceu a importância do evento para a saúde de Vitória da Conquista: “O conselho municipal de saúde está cumprindo o seu papel promovendo a primeira reunião ampliada da primeira conferência. É assim que se constrói a política pública: ouvindo, construindo coletivamente, reconhecendo as dificuldades desde os municípios menores até chegar no âmbito federal” completou.

A 1ª Reunião Ampliada de Vigilância em Saúde precede a Reunião Macrorregional (dias 27 e 28 de setembro), a Conferência Estadual de Vigilância em Saúde (ainda sem data) e a 1ª Conferência Nacional de Vigilância em Saúde (CNVS) que será realizada em Brasília pelo Conselho Nacional de Saúde – CNS (entre os dias 21 e 24 de novembro). Durante a Reunião Ampliada, foram escolhidos representantes para participar da Reunião Macrorregional. “Teremos doze representantes, sendo seis deles usuários do sistema, três gestores e três trabalhadores de saúde”, explicou Ramona Cerqueira.