– Criação do Comitê de Gestão de Crise;
– Criação e revisão do Plano de Contingência para o enfrentamento do Novo Coronavírus;
– Criação de Call Center para dúvidas sobre a Covid-19;
– Implantação da Central de Monitoramento da Covid-19;
– Suspensão do funcionamento de escolas municipais e instituições privadas de ensino;
– Suspensão do atendimento presencial no comércio;
– Ampliação do atendimento às pessoas em situação de rua;
– Criação de Canais de Atendimento Online para serviços municipais;
– Capacitação dos servidores da saúde com protocolos de combate ao Coronavírus;
– Fiscalizações e Orientações do Procon, Vigilância Sanitária e Setor de Posturas em estabelecimentos comerciais;
– Instituição do regime de “teletrabalho” para servidores municipais;
– Higienização diária e limitação da lotação do transporte público ao número de assentos;
– Suspensão de eventos que causem aglomeração de pessoas;
– Suspensão da concessão de férias para profissionais de saúde ou cargos de importância estratégica e essencial;
– Suspensão no funcionamento de academias de ginástica, cinemas, teatros e demais casas de entretenimento;
– Informações rápidas e transparentes para combater as fake News;
– Implantação de abrigos provisórios para população em situação de rua;
– Ações educativas de prevenção à Covid-19 e distribuição de máscaras em comunidades quilombolas;
– Parcerias com empresas privadas para ações de enfrentamento da Covid-19;
– Higienização em feiras livres, hospitais e locais de maior circulação de pessoas;
– Distribuição de máscaras em feiras livres e outros locais com grande circulação de pessoas;
– Nota técnica estabelecendo medidas de prevenção e controle do Coronavírus para empregadores e trabalhadores;
– Higienização e desinfecção das ruas e avenidas da cidade com caminhão de combate a incêndios;
– Parceria com o Ministério Público para notificar pacientes que se recusarem a coleta de amostra para exame ou cumprir isolamento;
– Alteração do funcionamento dos serviços de saúde especializados do município para diminuir riscos de transmissão;
– Criação do Centro de Atenção Municipal Coronavírus – Covid-19;
– Contratação de 30 leitos (20 clínicos e 10 leitos de UTI) do Hospital São Vicente de Paulo para tratamento exclusivo de pacientes de coronavírus;
– Decreto nº 20.251: estado de calamidade pública para fins de prevenção e enfrentamento à pandemia causada pelo Covid-19;
– Contenção de gastos para destinar mais recursos para a Saúde;
– Implantação de frota com 10 veículos para atuar na supervisão de medidas preventivas;
– Instalação de 50 pias no Ceasa e em feiras livres da cidade;
– Ampliação do horário de atendimento de 11 unidades de saúde da família da zona urbana;
– Distribuição de kits alimentares a estudantes das escolas municipais;
– Mutirão para cadastramento do auxílio emergencial na zona rural;
– Criação de plataforma online de estudos para alunos da Rede Municipal;
– Criação de plataforma online para intermediar vendas dos comerciantes locais;
– Lançamento do Projeto Máscara Solidária;
– Criação de software para monitorar casos suspeitos de coronavírus;
– Compra de 7 mil kits para teste rápido para Covid-19;
– Testagem prioritária de servidores da área de saúde e assistência social que estão na linha de frente do enfrentamento;
– Fiscalização intensificada no comércio da zona urbana e rural;
– Barreiras sanitárias nas principais vias de acesso ao município;
– Capacitação de técnicos do Laboratório Municipal para realização dos exames no município;
– Publicação de Portaria que regulamenta serviços funerários e velórios durante a pandemia;
– Organização das filas em frente às agências da Caixa Econômica Federal para evitar aglomerações;
– Antecipação do feriado de 15 de agosto – Dia de Nossa Senhora das Vitórias;
– Criação do protocolo de reabertura das atividades econômicas.