Foram confirmados mais quatro casos de Coronavírus em Vitória da Conquista, totalizando 49 pessoas infectadas pelo vírus, até às 17h desta segunda-feira (11). De acordo com informações do Boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde, das pessoas que tiveram confirmação de exame para Coronavírus, 33 evoluíram para cura e quatro para óbito. Outros 12 pacientes continuam em recuperação, sendo que dois deles estão internados e 10 em isolamento domiciliar.

No dia de hoje, também foi divulgado o resultado de uma pessoa que faleceu com suspeita de Coronavírus na última terça-feira, 5 de maio. O  resultado foi negativo para a Covid-19.

Até o momento, foram registrados 817 casos notificados com suspeita clínica e epidemiológica de infecção pelo Novo Coronavírus no município. 639 casos foram descartados e 129 estão sendo investigados, sendo que 69 pessoas aguardam resultado laboratorial e 60 aguardam coleta de amostra.

Do total de pacientes que aguardam resultado ou coleta, cinco encontram-se internados, 123 estão em isolamento domiciliar e um foi a óbito no último domingo (10). Neste último  caso, a coleta foi realizada e ainda aguarda o resultado do exame que é realizado pelo Laboratório Central de Saúde Pública, em Salvador.

Os pacientes que testaram positivo para Coronavírus são residentes de 18 bairros do município: Morada dos Pássaros, Cidade Maravilhosa, Vila América, Centro, Campinhos, Brasil, São Vicente, Patagônia, Recreio, Alto Maron, Urbis VI, Boa Vista, Candeias, Primavera, Lagoa das Flores, Sumaré, Guarani e Santa Cruz.

Desde o dia 20 de março, a transmissão do novo coronavírus é considerada comunitária em todo o território nacional e, por esse motivo, as definições operacionais passaram a ser definidas na  Nota Técnica COE Saúde Nº 54 de 8 de abril de 2020, da Secretaria de Saúde do Estado.

Call Center – A Secretaria Municipal de Saúde disponibiliza um Call Center para tirar dúvidas da população sobre a Covid-19 e atender pessoas que apresentem febre de início súbito, acompanhada de tosse ou dor de garganta ou dificuldade respiratória, na ausência de outro diagnóstico específico. Em crianças com menos de 2 anos de idade, considera-se também a coriza e a obstrução nasal, na ausência de outro diagnóstico específico.

Contatos:

  • Telefones fixos: (77) 3429-7451/3429-7434/3429-7436
  • Celulares: (77) 98834-9988/98834-9900/98834-9977/98834-9911